Kart
14/12/2014 12:35

Fittipaldi se recupera após cair para último no começo da prova e vence 500 Milhas de Kart pela 5ª vez

Christian Fittipaldi, Danilo Dirani, Vitor Meira, Pedro Piquet, Adibe Marques e Felipe Fraga venceram as 500 Milhas de Kart em Santa Catarina depois de saírem em 28º e caírem para o último lugar logo depois da largada
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Christian Fittipaldi venceu pela quinta vez as 500 Milhas de Kart. Ao lado de Danilo Dirani, Vitor Meira, Pedro Piquet, Adibe Marques e Felipe Fraga, o piloto levou o kart #2 à vitória na 18ª edição do evento realizado neste sábado (13) em Penha, Santa Catarina.
 
O time não teve uma prova fácil. Apesar de terminarem duas voltas na frente da equipe Hanier, que ficou com o segundo lugar, a equipe sofreu para chegar à liderança da corrida. Logo na largada, o #2, que estava largando em 28º, sofreu um toque e caiu para a última colocação.
 
Fraga foi quem realizou o primeiro stint para o time. Em menos de 50 voltas, o tocantinense já aparecia dentro do top-10. Na volta 100, quando Piquet já havia assumido a pilotagem a equipe já figurava entre os três primeiros. O campeão da F3 Brasil entregou o kart para Marques na segunda posição.

Apesar do início de evento com sol forte, por duas vezes a chuva caiu no kartódromo catarinense, o suficiente para que os karts ficassem bastante enlameados ao final da corrida.
 
A prova contou com 53 equipes na disputa. Rubens Barrichello, Tony Kanaan e Felipe Giaffone terminaram no segundo posto com o kart #72, enquanto Bia Figueiredo, Allam Khodair, Galid Osman e Felipe Lapenna, ficaram no terceiro lugar com o kart #100.
 
Cinco vezes vencedor da prova (1998, 2000, 2003, 2011 e 2014), Fittipaldi fechou o ano com chave de ouro, após conquistar nos Estados Unidos o título da United Sports Car. Foi o veterano quem cruzou a linha final.
 
"Como todo ano, foi uma corrida bem difícil, mas antes de mais nada queria dizer que estou extremamente contente. A sinergia que teve aqui este ano na equipe foi fantástica. Todo mundo andou no kart de todo mundo, todo mundo se ajudando. A gente mudou de estratégia umas dez vezes durante a corrida. Fomos nos adaptando à medida que as coisas iam mudando. Erramos algumas vezes e aprendemos com os nossos erros para ter certeza que a gente não iria errar com o kart #2. Estou muito feliz. Que temporada eu tive. Ganhei as 24 Horas de Daytona, venci o campeonato nos Estados Unidos, ganhei essa prova, que tem muita importância", disse.
Christian Fittipaldi vibra depois da prova (Foto: José Mário Dias)
Meira conquistou sua segunda vitória ao lado de Fittipaldi (o brasiliense também estava na equipe vitoriosa em 2011). Dirani também já tinha um triunfo, conquistado em 1999. Mais jovens do time, Fraga, Marques e Piquet foram vencedores das 500 Milhas pela primeira vez.
 
"A equipe está de parabéns. Uma corrida dessa não é só um acerto. São vários acertos que você tem que fazer. E, nessa celebração do kart brasileiro, é muito bom poder levar este troféu pra casa”, comemorou Meira.
 
"O nosso kart não deu nenhum problema do começo ao fim. Foi perfeito. Todo mundo trabalhou muito unido. Foi muito bom dividir o kart com todos eles e espero no ano que vem estar aqui de volta em busca do meu bicampeonato", falou Fraga.
 
A equipe do kart #2 completou 631 voltas nas 11h45min de prova.
Últimas Notícias
sábado, 25 de março de 2017
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
F1
F1
MotoGP
Nascar
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook