12h de Sebring
15/03/2013 14:17

Junqueira revela sondagem para disputar 500 Milhas de Indianápolis: “Ligaram para assuntar”

Confirmado para fazer a temporada completa da ALMS, Bruno Junqueira não descarta uma eventual aparição em outras categorias, desde que tenha condições de buscar um bom resultado. O foco, entretanto, está em buscar o título da American Le Mans Series
Warm Up, de Sebring
RENAN DO COUTO, de Sebring

Piloto da equipe RSR na categoria PC da American Le Mans Series, Bruno Junqueira está focado na busca pelo título do certame na temporada 2013, que começa neste sábado (16), em Sebring. Porém, eventualmente disputar uma ou outra etapa válida por outro campeonato não está fora dos planos, e a possibilidade de disputar as 500 Milhas de Indianápolis está aberta.

Sem revelar a equipe, Junqueira contou, em entrevista ao Grande Prêmio, que já foi sondado por um time da Indy para disputar a tradicional prova do mês de maio. Todavia, qualquer definição está longe de acontecer, minimizou.

Bruno Junqueira está em Sebring para a corrida de 12 Horas deste sábado (Foto: Facebook)

“Uma equipe já me ligou, perguntando o que vou fazer e tudo, mas vamos ver. Como foi nos últimos anos, sempre é nos últimos momentos que as equipes acabam me colocando no carro”, falou o mineiro. O time está pensando em alinhar um carro a mais no Brickyard, mas ainda não há nenhuma certeza ou patrocinadores, segundo o piloto. “Ligaram mais para assuntar mesmo”.

Junqueira não compete em tempo integral na Indy desde 2008. Desde então, foi inscrito para três edições das 500 Milhas, mas substituído em duas delas. No ano passado, ele foi chamado pela Sarah-Fisher Hartman para ocupar o lugar do lesionado Josef Newgarden na corrida de Baltimore, mas abandonou após um acidente. Nos últimos anos, ele também apareceu em algumas corridas da Stock Car.

Voltar aos monopostos não é, porém, uma necessidade. “Fico tranquilo quanto a isso, não tenho aquela vontade. Além do mais, fazer em equipe pequena, eu tenho que pensar duas vezes. Quero andar numa equipe que me dê condições”, afirmou.

Apesar de estar aberto para as oportunidades de correr em outras categorias – “sou piloto, corro por amor” –, o foco é na conquista do título da ALMS. “Ano passado consegui vitórias, poles e terminei em terceiro. Nesse ano, vamos ver se a gente consegue ganhar o campeonato”, completou Junqueira.

Nas 12 Horas de Sebring, ele tem como companheiros Alex Popow e Duncan Ende. Sua equipe, a RSR, chegou a andar em segundo lugar nos treinos livres de quinta-feira, mas ainda está insatisfeita com o acerto que encontrou para aproveitar melhor os novos pneus Continental - até o ano passado, toda a categoria usava compostos franceses da Michelin.

Grande Prêmio cobre ‘in loco’ as 12 Horas de Sebring, etapa do American Le Mans Series, com o repórter Renan do Couto.

Últimas Notícias
terça-feira, 17 de janeiro de 2017
Indy
F1
F1
Indy
F-E
F1
F1
World Series
F1
F1
Warm Up
F1
F1
segunda-feira, 16 de janeiro de 2017
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook