Brasileiro de Marcas
04/06/2016 18:54

Com folga, Salas supera Honda de Orige e põe Renault na pole do Brasileiro de Marcas em Santa Cruz do Sul

O treino classificatório ocorrido na tarde deste sábado teve como marca o acidente sofrido por Odair dos Santos, que resultou na única bandeira vermelha da sessão. O piloto foi removido para fazer mais exames em um hospital próximo ao autódromo. Na pista, Guilherme Salas cravou a pole, superando Vicente Orige
Warm Up, de Santa Cruz do Sul
FERNANDO SILVA, de Santa Cruz do Sul

É da Renault a pole-position da corrida 1 do fim de semana da terceira etapa da temporada 2016 do Brasileiro de Marcas. Na tarde deste sábado (4) em Santa Cruz do Sul, Guilherme Salas foi o mais rápido do treino classificatório e colocou seu Renault Fluence no topo da tabela de tempos ao anotar 1min27s093. A marca foi muito melhor que a do segundo colocado: Vicente Orige, que vai fechar a primeira fila do grid com seu Honda Civic depois de ter ficado 0s514 atrás de Salas.
 
O tempo do paulista veio depois da longa paralisação ocorrida no treino classificatório em Santa Cruz do Sul. Odair dos Santos, da Paraguay Racing, bateu forte seu Toyota Corolla na barreira de pneus enquanto começava a sessão, ficando com o carro bem avariado. O piloto saiu consciente e andando do carro, mas a equipe médica do Brasileiro de Marcas optou por levá-lo para um hospital próximo à região do autódromo por precaução.
Guilherme Salas é o dono da pole da terceira etapa do Brasileiro de Marcas em sua corrida 1 (Foto: Fabio Davini/Vicar)
Com seu Chevrolet Cruze #11, Nonô Figueiredo abre a segunda fila do grid, tendo ao seu lado o líder do campeonato, Gustavo Martins, de Honda Civic. Luiz Razia, que faz sua primeira temporada completa no Brasileiro de Marcas, faturou o quinto lugar no grid de largada com Toyota Corolla, ficando à frente de Thiago Marques, seu companheiro de equipe na RZ. Gabriel Casagrande, com Renault Fluence, e Carlos Souza, de Honda Civic, completaram as oito primeiras posições da corrida marcada para logo mais, às 16h45 (horário de Brasília).
 
No começo da sessão, Orige colocou a Honda na pole provisória ao anotar 1min27s607. Destaque para Razia, que estava em segundo lugar com seu Toyota Corolla #33, à frente do Honda Civic de Carlos Souza e do Renault Fluence de Gabriel Casagrande.
 
Mas com apenas cinco minutos de sessão, Odair dos Santos, da Paraguay Racing, bateu forte seu Toyota Corolla na barreira de pneus, causando uma longa bandeira vermelha, interrompendo a sessão classificatória. O carro ficou bastante avariado em razão do impacto da batida. Odair saiu andando do carro. Mesmo consciente, ele acabou sendo levado para o hospital para realizar mais exames, cumprindo orientação médica.
Carro de Odair dos Santos após acidente em Santa Cruz do Sul (Foto: Fernando Silva/Grande Prêmio)
Levou pouco mais de 15 minutos de espera até que a pista foi finalmente liberada. Era uma sessão sem favoritos, sobretudo considerando as colocações nos dois treinos livres deste sábado.
 

As marcas caíram bem a partir de então. Salas, sem problemas, se colocou na pole ao superar Orige em 0s514, anotando 1min27s093. Nonô Figueiredo superou Gustavo Martins para colocar seu Chevrolet Cruze momentaneamente em terceiro lugar, enquanto Razia aparecia em quinto.
 
No fim das contas, não houve quem conseguisse bater o piloto da Renault, que confirmou a pole para a corrida 1 do Brasileiro de Marcas, indicando um teórico favoritismo da Renault nesta tarde em Santa Cruz do Sul.
PADDOCK GP #31 DEBATE F1, INDY E NASCAR



Últimas Notícias
segunda-feira, 11 de dezembro de 2017
MotoGP
F1
Stock Car
Superbike
F1
F1
F1
Endurance
F1
Indy
F1
Indy
domingo, 10 de dezembro de 2017
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook