Brasileiro de Marcas
19/05/2017 20:02

Pedro Boesel abre etapa do Brasileiro de Marcas com melhor tempo em Santa Cruz do Sul. Na volta da Renault, Marques é 2º

A bordo do Chevrolet Cruze da JLM, Pedro Boesel garantiu o melhor tempo no combinado dos dois treinos livres desta sexta-feira (19) do Brasileiro de Marcas em Santa Cruz do Sul. A grande notícia do dia foi o retorno da Renault, que empurra os carros da RZ Motorsport. Thiago Marques garantiu a segunda marca no interior gaúcho
Warm Up, de Santa Cruz do Sul
FERNANDO SILVA, de Santa Cruz do Sul
 

A segunda etapa da temporada 2017 do Brasileiro de Marcas começou nesta sexta-feira (19) em Santa Cruz do Sul com a realização dos dois primeiros treinos livres do fim de semana. Na jornada que marca o retorno da Renault depois da ausência da etapa do Velopark, a Chevrolet foi a mais rápida com o experiente Pedro Boesel. O piloto da JLM e ex-Stock Car, que volta à ativa neste ano depois de ficar uma temporada longe das pistas, levou seu Cruze #36 à ponta do segundo treino livre ao marcar 1min28s531. 
 
Destaque para Thiago Marques. O paranaense andou pela primeira vez com o Renault Fluence da RZ Motorsport, que até então contava com o Toyota Corolla. Marques foi o segundo mais rápido do dia.
 
No treino livre que abriu o fim de semana, Carlos Souza, também com um Chevrolet Cruze, foi o mais rápido no início da manhã ao anotar 1min29s184. Aliás, foi uma trinca da Chevrolet, que encaixou Nonô Figueiredo, atual campeão e líder do campeonato, em segundo na tabela de tempos, enquanto Vicente Orige fechou o top-3. 
Pedro Boesel retorna ao automobilismo em 2017 após um ano parado (Foto: Fernanda Freixosa/Vicar)
Boesel só conseguiu completar uma volta rápida em uma manhã cheia de problemas e foi apenas o décimo colocado, atrás também de Enzo Bortoleto, com Ford Focus; Felipe Tozzo, com Toyota Corolla, Marques e Odair dos Santos, outro com Toyota Corolla; do Chevrolet Cruze de Márcio Basso e do Ford Focus de Enrico Bucci.
 
Porém, no segundo treino, Boesel mostrou toda a sua experiência e garantiu o melhor tempo da sexta-feira. O piloto festejou a performance em Santa Cruz do Sul. 
 
“A gente sempre teve um carro bom, que se mostrou muito competitivo. Estou voltando depois de um ano parado, no Velopark consegui largar em terceiro. Praticamente não treinamos devido a um problema no coletor, mas a equipe fez um bom trabalho, me adaptei bem à pista e ao carro. Temos muito trabalho pela frente, mas precisamos melhorar algumas coisas para disputar a pole e vencer a corrida amanhã”, salientou.
 
Para chegar ao topo do pódio, contudo, Boesel, e todos os pilotos, têm um grande desafio pela frente: garantir uma boa posição no grid de largada. “Santa Cruz do Sul é um lugar frio. O carro tem essa característica de demorar mais para aquecer os pneus. Conseguir um bom aquecimento dos pneus e uma volta limpa é garantia de largar entre os três primeiros”, concluiu.
 

O cronograma do Brasileiro de Marcas começa bem cedo neste sábado. Logo às 7h45, os pilotos voltam à pista para o warm-up, treino de aquecimento com duração de dez minutos. Logo em seguida, a partir de 8h05, os competidores disputam o treino classificatório para a definição do grid de largada da corrida 1, que tem início previsto para 11h15 e duração de 25 minutos e mais uma volta. A prova vai ter transmissão ao vivo do canal por assinatura EI Maxx. 
 
O Brasileiro de Marcas fecha o fim de semana de atividades de pista em Santa Cruz do Sul com a prova derradeira no domingo, também com transmissão ao vivo do EI Maxx a partir de 15h40 (horário de Brasília).
 
MENINO THOMAS MOSTRA LADO HUMANO DA F1 E AQUECE ATÉ CORAÇÃO DO ‘HOMEM DE GELO’ RÄIKKÖNEN



Últimas Notícias
sábado, 21 de outubro de 2017
F1
F1
Stock Car
Stock Car
MotoGP
F1
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
sexta-feira, 20 de outubro de 2017
F1
MotoGP
MotoGP
F1
Galerias de Imagens
Facebook