Brasileiro de Turismo
06/12/2016 19:57

Brasileiro de Turismo encerra temporada 2016 neste final de semana com cinco candidatos ao título em Interlagos

O Campeonato Brasileiro de Turismo vive uma das temporadas mais competitivas de sua história. Às vésperas da decisão em Interlagos, cinco pilotos estão com chances de título e apenas quatro pontos separam líder de vice-líder
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Cinco pilotos chegam a Interlagos neste final de semana alimentando chances de título no Brasileiro de Turismo. Márcio Campos tenta o bicampeonato com seus atuais 187 pontos, campanha bem parecida com a do seu companheiro de equipe Gabriel Robe, que tem 183 tentos. 
 
Marco Cozzi é o único que não venceu entre os que têm chances matemáticas, mas soma 162 pontos. Edson Coelho venceu duas vezes neste ano e soma 159, enquanto Pietro Rimbano aparece com 150, ainda com possibilidades remotas.
 
Entre Campos e Robe, quem chegar na frente e à frente dos outros adversários, leva. Para Pietro Rimbano, só a vitória interessa. Ainda assim, ele precisa que Campos termine em 16º, que Robe termine em 14º, que Cozzi seja no máximo quarto e que Coelho não chegue acima do terceiro lugar.
Márcio Campos lidera o campeonato com uma corrida pro fim (Foto: Duda Bairros)
Para Coelho, outra combinação de resultados: se vencer, Campos precisa ser 12º, Robe décimo e Cozzi o quarto; terminando em segundo, ele ainda pode levar a taça se Campos for 16º, Robe 14º e Cozzi no máximo terceiro.
 
Cozzi tem uma série de cálculos a fazer. Basicamente, até um quarto lugar pode lhe valer o título, desde que seus adversários terminem bem atrás dele. Para Robe, a vitória lhe dá automaticamente o título, o segundo lugar pode garantir, desde que Campos seja o terceiro, o que leva ao empate no número de pontos, mas o desempate passa a ser o número de segundos lugares - já que em vitórias ambos somam o mesmo número. Do terceiro lugar em diante, qualquer situação que o faça empatar em pontos com seu adversário mais direto, o título vai para o companheiro de equipe.
Gabriel Robe é o segundo colocado com uma corrida pro fim da temporada (Foto: Victor Eleuterio)
E Campos, apesar de estar na frente e aparentemente mais confortável, só tem uma missão: chegar à frente de seus adversários para não precisar ficar fazendo cálculos enquanto pilota, embora tenha muitas combinações à disposição para levar a taça, dependendo o resultado de seus oponentes.
 
Disputada em rodada única, a decisão do Brasileiro de Turismo começa no sábado (10) com o treino classificatório que acontece às 11h05. A corrida, que define o campeão de 2016, tem largada programada para 8h20 de domingo.

Últimas Notícias
segunda-feira, 23 de outubro de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
MotoGP
F1
F1
Nascar
F1
F1
Nascar
F1
MotoGP
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook