Brasileiro de Turismo
12/09/2016 20:46

Líder ao lado de Robe e Coelho, Campos vibra com fim de semana de pódios em Interlagos: “Não tinha como ser melhor”

Márcio Campos saiu de Interlagos livre da desvantagem de 20 pontos que tinha para a liderança do Brasileiro de Turismo. Agora, o gaúcho aparece empatado com o companheiro Gabriel Robe e Edson Coelho
Warm Up
GABRIEL CURTY, de São Paulo
Márcio Campos foi o grande vencedor do fim de semana do Brasileiro de Turismo em Interlagos no que diz respeito à tabela de pontos. Ficando em segundo nas duas corridas da categoria em São Paulo, o gaúcho se tornou líder da temporada ao lado de Gabriel Robe e Edson Coelho.
 
Campos vibrou muito com o novo segundo lugar, mas relatou, ao GRANDE PRÊMIO, problemas que parecem ser crônicos nos freios ainda no início das corridas.
 
"Foi uma corrida excelente, perfeita em termos de resultado, não tinha como ser melhor. Eu comecei muito rápido, mas aí tive problemas, a mesma coisa de ontem. Isso é algo que precisamos rever: nosso carro é muito rápido, mas os freios só duram cinco voltas e, como fiquei atrás do Cozzi, desgastaram ainda mais rápido. Não sabia se conseguiria frear no fim da reta, perdi posições para o Milani e para o Moraes...esse momento foi bem ruim", disse.
 
O gaúcho contou que a decisão de parar junto com Pietro Rimbano partiu dele mesmo e que a Motortech temeu receber punição. Foi aí o pulo do gato, saindo de sexto para segundo.
Márcio Campos já está dividindo a ponta do campeonato (Foto: Fernando Silva/Grande Prêmio)
"Na hora do safety-car, minha equipe achou que nós não poderíamos parar, mas eu achei que dava, sim. Então, acabei tomando a decisão sozinho e eu acho que isso foi fundamental para gente garantir a segunda posição. Como voltei sozinho, meus freios não ficaram tão judiados nessa hora, fugi das zebras e terminei com esse resultado excelente", seguiu.
 
O piloto da Motortech lembrou que chegou a São Paulo em considerável desvantagem para o companheiro Robe. Campos aposta em um fim de campeonato bastante acirrado.
 
"Cheguei 20 pontos atrás e agora saio daqui líder. Então, tudo foi excelente. Eu tive azar em muitas etapas, agora foi a vez deles. Acho que o campeonato vai pegar fogo nessas rodadas finais. O Coelho é muito rápido, Robe vem muito bem e acho que o Rimbano e o Cozzi também têm chances", completou.
 
Campos divide a liderança com Robe e Coelho, empatados em 122 pontos. O gaúcho, neste fim de semana, chegou ao 20º pódio na categoria e à terceira pole.
 
PADDOCK GP #45 COMENTA FIM DE SEMANA COM F1, INDY, MOTOGP E WEC



Últimas Notícias
sábado, 18 de novembro de 2017
Superbike
F3
Turismo
F1
F1
F1
Motociclismo
sexta-feira, 17 de novembro de 2017
F1
Nascar
Brasileiro de Marcas
Brasileiro de Turismo
F1
Rali
F1
World Series
Galerias de Imagens
Facebook