F1
19/06/2017 07:27

Chefe da Renault pede cautela em meio a boatos e nega que Kubica seja candidato a vaga na F1 em 2018

Chefe da Renault, Cyril Abiteboul tratou de esfriar os rumores e afirmou que, no momento, Robert Kubica não está na lista de candidatos a uma vaga no time em 2018. Dirigente pediu cautela e avaliou que o polonês ainda precisa fazer uma série de coisas antes de poder ser candidato a voltar à F1
Warm Up
Redação GP, de São Paulo

Chefe da Renault, Cyril Abiteboul tratou de conter a expectativa criada por um teste de Robert Kubica com um carro de F1. De acordo com o dirigente, o piloto polonês não é hoje uma opção para a equipe na temporada 2018 do Mundial.
 
No último dia 6, Kubica guiou um carro de F1 pela primeira vez desde o grave acidente que sofreu no Rali Ronde di Andora, na Itália, há seis anos. O piloto sofreu sérias lesões nos membros superiores e nunca conseguiu recuperar completamente a mobilidade.
 
Aos 32 anos, Robert esteve em Valência para guiar o Lotus-Renault E20, o carro que foi usado por Kimi Räikkönen e Romain Grosjean na temporada 2012 da F1. Emocionado por voltar, Kubica afirmou que o teste também mostrou “tudo que perdeu”.
Robert Kubica testou com a Renault em Valência (Foto: Renault)
Com uma vaga aberta para 2018 — já que Jolyon Palmer não tem contrato para o próximo ano —, a Renault viu o teste de Kubica criar uma série de rumores, mas Abiteboul pediu cautela e procurou esclarecer a situação.
 

“Sei que o esporte está cheio de especulações e rumores e todas essas coisas”, disse Abiteboul em entrevista ao site norte-americano ‘Motorsport.com’. “Mas acho que, no caso presente, precisamos ser um pouco cuidadosos, porque estamos falando de um individuo que todos nós amamos, com uma imagem fantástica, e que passou por uma situação muito difícil da perspectiva pessoal”, seguiu.
 
“Então, acho que pediria nesta ocasião para todos terem um pouco de cuidado. Sim, fizemos aquele teste, mas não queremos criar expectativas na mente de ninguém, incluindo na de Robert”, destacou.
 
Questionado se Kubica pode entrar na lista de candidatos a uma vaga no time em 2018 caso consiga mostrar que tem condições de pilotar, Abiteboul não foi muito animador.
 
“Olha, todos nós teremos de discutir nosso futuro line-up em algum momento, isso é uma informação pública. Nós temos um contrato de longo prazo com Nico [Hülkenberg], e um contrato para 2017, para todo 2017, com Jolyon”, indicou. “Mas, em algum momento, teremos de rever nossas opções. Se, até lá, Robert se tornar uma opção, podemos dar uma olhada. No momento em que falamos, ele não está na lista. Ele tem muito mais coisas a atingir para poder estar nesta lista”, apontou;
 
Além disso, Abiteboul reforçou que o teste realizado em Valência foi uma espécie de favor a Kubica, que sempre se manteve próximo ao time.
 
“O assunto da questão é bastante simples. Você sabe que tem em Enstone um grupo de pessoas composto por Bob Bell, Nick Chester, Alan Permane, todas essas pessoas conhecem Robert como piloto, trabalharam com ele e, ao longo dos anos — inclusive quando Robert estava completamente fora do radar —, eles mantiveram contato com ele”, explicou. “E isso é uma coisa que eles sempre discutiram: e se, como em um sonho, ele fosse capaz de guiar novamente neste tipo de circunstância? Nós tínhamos esta circunstância, nós tínhamos essa oportunidade”, falou.
 
“Isso foi uma coisa única, parte do processo de recuperação de Robert, onde ele vai avaliar seus limites — seus limites físicos e talvez seu limite mental, o que ele deseja passar também em termos de desafios, em termos de dificuldades, em termos de risco, por ele e sua imagem”, alegou. “Ele também fez F2, GP3, LMP2, F-E, então eles fez várias coisas, e isso também fazia parte do programa. Mas não quero criar uma obrigação para a Renault ou para Robert de que existe um próximo passo”, concluiu.
O GP DO CANADÁ É PARA HAMILTON O QUE O GP DE MÔNACO FOI PARA SENNA?

Últimas Notícias
quinta-feira, 19 de outubro de 2017
F1
F1
F1
F1
Copa Grande Prêmio
F1
MotoGP
F1
Seletiva BR
MotoGP
MotoGP
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook