F1
07/03/2017 17:30

Confira declarações dos pilotos depois do quinto dia de testes de pré-temporada da F1 em Barcelona

Depois de uma forte sequência com Mercedes e Ferrari dominando a tabela de tempos dos testes coletivos de pré-temporada - com breves ensejos da Red Bull -, nesta terça-feira (7) deu Felipe Massa e a Williams. Com direito a verdadeiras maratonas de Massa, Sebastian Vettel e Esteban Ocon
Warm Up, de Barcelona
Redação GP, do Rio de Janeiro
 

O quinto dia de testes coletivos de pré-temporada da F1, esta terça-feira (7), foi o dia mais atípico de atividades de pista em 2017. Enquanto Mercedes e Ferrari terminaram em vantagem nos outros dias com alguns ensejos da Red Bull, foi Felipe Massa com a Williams que terminou na frente com um convincente 1min19s726. 
 
E não apenas de mais rápido viveu o dia: Massa e Sebastian Vettel deram incríveis 168 voltas cada. Esteban Ocon, por sua vez, rodou 142 vezes. Para se ter uma ideia do quanto é isso, o GP da Espanha tem 66 voltas; o equivalente a dois GPs da Espanha é o total de 132 voltas; duas corridas e meia totalizam 165 giros. É o quanto os três pilotos guiaram neste recomeço da pré-temporada em Barcelona. 
 
Atrás de Massa ficou Daniel Ricciardo, que rodou 89. A diferença é que a Williams rodou de supermacios, enquanto a Red Bull foi de ultramacios - o que, de fato, levantou uma preocupação na equipe dos energéticos. E o terceiro colocado foi Vettel, outro dos maratonistas do dia.
 
As duas Mercedes vieram na sequência, com Lewis Hamilton em quarto e Valtteri Bottas no quinto lugar. É importante ressaltar que tanto as Mercedes quanto a Ferrari passaram o dia de pneus macios. Ocon, o último do trio maratonista, foi o sexto e marcou a melhor volta de pneus supermacios.
Esteban Ocon, um dos maratonistas do dia (Foto: Force India)
Nico Hülkenberg e Kevin Magnussen, ambos de pneus macios, seguiram. Daniil Kvyat fez o nono tempo de supermacios, seguido por Stoffel Vandoorne, Pascal Wehrlein, Marcus Ericsson e Jolyon Palmer, todos de pneus macios, fecharam a tabela.
 
O GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ a segunda sessão de pré-temporada em Barcelona com o repórter Thiago Arantes e o fotógrafo Arnau Puig. Acompanhe AO VIVO e em TEMPO REAL.

Confira as declarações: 

MERCEDES
 
Lewis Hamilton, quarto: "Não consegui dar uma quantidade tão grande de voltas hoje de manhã, mas o carro estava parecido com o da semana passada. A pista não estava legal. Então, mais uma vez, nosso trabalho foi de tentar acumular quilometragem. Estamos dentro da meta em relação à quilometragem e, agora, estamos atrás de mais performance. O carro está começando a ficar melhor, acho que nessa semana ele cresce de vez e teremos um grande carro em Melbourne. Sacrifiquei um pouco do meu tempo de pista hoje para que o Valtteri pegasse o carro livre dos probleminhas de assoalho que tive. Semana passada a Ferrari parecia ser nossa maior rival, mas hoje a Red Bull pareceu muito rápida. O pelotão está bem próximo, a semana vai ser agitada".
 
Valtteri Bottas, quinto: "Nós continuamos focados em quilometragem, então dar mais de 80 voltas em quatro horas está muito bom. Ainda não chegamos no estágio que gostaríamos do carro, mas sabemos bem as áreas em que precisamos melhorar. Nós ainda não estamos olhando para os tempos, mas eu sei que nós podemos melhorar aquele 1min19s705 que fizemos semana passada. A Ferrari está vindo muito forte, não podemos subestimar nem eles, nem a Red Bull".
 
FORCE INDIA
 
Esteban Ocon, sexto: "Estou muito feliz com o nosso trabalho de hoje. Completar mais de 140 voltas sem nenhum problema é algo bem positivo que prova nosso bom desenvolvimento e nos dá mais informações. Fizemos stints longos, stints para testar performance e conseguimos variar bem o material utilizado, com novidades aerodinâmicas. Vejo que estamos em um caminho parecido do da semana passada: a cada vez que vamos para a pista, achamos novas soluções e sentimos que vamos para a direção certa".
Nico Hülkenberg (Foto: Renault)
RENAULT
 
Nico Hülkenberg, sétimo: "Eu tive um dia bem decente hoje, conseguimos completar o programa inteiro da tarde. Uma coisa que deu para perceber de novo é que o vento afeta bastante o nosso carro. Ganhamos bastante conhecimento sobre pneus e acerto do carro, já temos bastante coisa para pensar para amanhã".
 
Jolyon Palmer, 13º: "Eu tive uma manhã encurtada por problemas no motor. Não foi o cenário ideal, mas foi longe de ter sido o fim do mundo. Ainda estamos em uma boa posição, estou confiante para a temporada. Com certeza seria mais legal ter acumulado mais voltas, você nunca gosta de perder tempo de pista. Ainda temos três dias, então vamos buscar mais tempo de pista".
 
TORO ROSSO
 
Daniil Kvyat, nono: "Foi bom ter finalmente completado um bom número de voltas hoje. Depois de perder tanto tempo de pista na semana passada, juntamos as informações que nós tínhamos e tivemos um dia mais tranquilo, sem muitos problemas. Agora temos bastante coisa para analisar durante a noite e aí seguimos nossa preparação para o GP da Austrália".
Daniil Kvyat (Foto: Red Bull Content Pool)
McLAREN
 
Stoffel Vandoorne, décimo: "Hoje foi um dia de sensações mistas para nós. Ter mais um problema com o motor foi naturalmente muito frustrante, mas ver que o time teve uma ótima reação foi legal, fiquei satisfeito por voltar à pista durante a tarde. Perder tempo de pista é sempre ruim, mas enquanto nós estivemos lá conseguimos ver bastante coisa importante e aprender bastante do carro. Testamos muita coisa de acerto hoje, já pensando na Austrália. Não foi a forma ideal de começar a segunda semana de testes, mas vamos buscar mais tempo de pista amanhã e ver se já adiantamos a preparação para Melbourne. 

SAUBER
 
Pascal Wehrlein, 11º: "Primeiramente, eu gostaria de dizer que estou muito feliz por voltar após os problemas que tive pelo acidente. Foi ótimo voltar à pista e tirar minhas primeiras impressões do C36. A minha manhã se resumiu a me familiarizar aos procedimentos do novo carro. Estou ansioso para voltar à pista amanhã".
 
Marcus Ericsson, 12º: "O carro estava diferente da semana passada com as novidades que usamos pela tarde. Hoje utilizamos um acerto que deve ser o ideal para Melbourne. No geral, foi um dia interessante, ainda que não tenha sido tranquilo. Vamos ter de trabalhar duro essa noite para que o carro esteja mais tranquilo de guiar amanhã".

 

PADDOCK GP #68 ANALISA SEGUNDA SEMANA DE TESTES DA F1 EM BARCELONA

Últimas Notícias
sábado, 27 de maio de 2017
Truck
Nascar
Indy
MotoGP
F1
F1
F1
F1
F1
F2
F1
F1
F1
F1
Superbike
Galerias de Imagens
Facebook