F1
20/02/2017 05:45

F1 dá pontapé inicial à temporada 2017 com maratona de apresentação dos novos carros nesta semana

Na semana que antecede o início dos testes de pré-temporada, em Barcelona, as equipes vão apresentar suas armas para 2017 em uma F1 modificada pelo novo regulamento técnico. A maratona de lançamentos começa nesta segunda-feira, com a apresentação do novo carro da Sauber, e termina só no domingo, quando Red Bull, Toro Rosso e Haas mostram seus modelos
Warm Up
FERNANDO SILVA, de Sumaré
 
A segunda-feira (20) abre uma das semanas mais aguardadas pelos fãs da F1 e do automobilismo como um todo. De hoje até o próximo domingo, as dez equipes do grid vão apresentar ao mundo as suas armas para a temporada 2017. Uma temporada que vai trazer carros bem mais robustos e rápidos, consequência da adoção do novo regulamento técnico, que compreende também o uso de pneus mais largos para proporcionar maior aderência, sobretudo nas curvas. Assim, há grande expectativa quanto ao aspecto dos novos carros. A maratona dos lançamentos começou nesta manhã com a apresentação do novo carro da Sauber, o C36. A equipe suíça comemora 25 anos na F1 neste ano.
 
Seguindo a tendência de economia dos últimos tempos, as equipes da F1 devem realizar as apresentações de forma simples, seja pela internet, em circuitos como Barcelona ou Silverstone, ou apenas por fotos, como foi a apresentação do novo carro da Sauber. Nada suntuoso como nos anos 1990 ou 2000, quando até shows marcavam os lançamentos dos carros. Outros tempos. Hoje, há uma sensível preocupação com a economia.
 
Um dia depois de a Sauber apresentar o novo carro de Marcus Ericsson e Pascal Wehrlein, este já com ausência confirmada da primeira sessão de testes de pré-temporada, será a vez da Renault mostrar seu modelo para a temporada 2017 da F1. A escuderia anglo-francesa chega renovada e motivada depois de um ano muito ruim, ainda marcado pela transição após a compra da Lotus no fim de 2015. 
A semana vai ser marcada pelo lançamento dos novos carros da F1 para 2017 (Foto: Getty Images)
O principal destaque do time de Enstone atende pelo nome de Nico Hülkenberg. O vencedor das 24 Horas de Le Mans de 2015 chega para ser a referência de uma equipe que, no começo do ano, viu o então chefe Frédéric Vasseur deixar o posto após divergências internas, sobretudo com o diretor-geral Cyril Abiteboul. A expectativa da escuderia aurinegra é melhorar bem a nona colocação do Mundial de Construtores obtida no ano passado.
 
Na quarta-feira será a vez de a Force India mostrar o novo VJM10, o carro com o qual o experiente Sergio Pérez e o jovem Esteban Ocon vão acelerar em 2017. A escuderia de Silverstone busca manter a rota ascendente depois de terminar o Mundial do ano passado na melhor colocação da sua história, quarto lugar, desbancando equipes icônicas como Williams e McLaren. A apresentação da Force India será em Silverstone, onde está a sua base.
 
Também em Silverstone, mas na quinta-feira, será a vez da grande protagonista da F1 apresentar suas armas para a temporada que está por vir. A Mercedes vai mostrar ao mundo o novo W08, um carro tão grande como um navio, como definiu Lewis Hamilton. A Mercedes chega a 2017 com muitas mudanças. Toto Wolff e Niki Lauda renovaram seus respectivos vínculos com o time prateado até 2020, mas a escuderia viu a surpreendente saída de Nico Rosberg, que se aposentou, e do diretor-técnico Paddy Lowe, que foi para a Williams. Valtteri Bottas chegou para ocupar a vaga do campeão do mundo, enquanto James Allison, ex-Ferrari e ex-Lotus, foi contratado para assumir a chefia técnica do time que vem dominando a F1 desde 2014.
Eis o novo (e belo) Sauber C36, com pintura comemorativa aos 25 anos da equipe na F1 (Foto: Sauber)
Um dos dias mais aguardados da semana de lançamento dos novos carros será a sexta-feira (24). As duas mais vitoriosas equipes da F1 vão mostrar seus modelos para 2017. A Ferrari, depois do fracasso em 2016, ano que passou sem nenhuma vitória após muita expectativa, vai apresentar o novo carro, ainda sem nome definido, ainda que o Santander, patrocinador do time de Maranello, chegou a indicar uma possível homenagem a Jules Bianchi no nome do novo bólido vermelho. É com ele que Sebastian Vettel e Kimi Räikkönen vão tentar apagar o ano ruim e buscar finalmente levar de volta um título para a equipe italiana. O último piloto a fazê-lo foi justamente Räikkönen, há dez anos.
 
No mesmo dia, a McLaren vai mostrar o novo MCL32. Um carro que chega para ser totalmente novo, desde suas cores até o conceito. Há grande possibilidade de a equipe de Woking mostrar uma pintura completamente nova, com tons de laranja, cor clássica da McLaren. As mudanças também estão na cúpula do icônico time, que traz Zak Brown como novo diretor-executivo no lugar do lendário Ron Dennis. A dupla de pilotos da McLaren-Honda também tem mudanças. O bicampeão Fernando Alonso continua, mas a novidade atende pelo nome de Stoffel Vandoorne, que substitui Jenson Button, outro que deixou a F1 no ano passado.
A Williams foi a primeira equipe a mostrar o novo carro, mas a apresentação oficial será no sábado (Foto: Williams)
Na última sexta-feira, a Williams mostrou as primeiras imagens do novo FW40, sendo a primeira equipe a mostrar o carro para 2017. Porém, a apresentação oficial está marcada para o próximo sábado. A equipe de Grove também tem mudanças importantes no seu departamento técnico, com a chegada de Lowe e a contratação de Dirk de Beer, ex-Ferrari, como novo chefe de aerodinâmica. Porém, o maior destaque fica por conta de Felipe Massa, que se despediu da F1 no ano passado, mas voltou para assumir o lugar de Bottas. Massa será a referência para o jovem bilionário Lance Stroll, de apenas 18 anos, que fará sua estreia na F1 em 2017.
 
O domingo vai encerrar a maratona de lançamento dos novos carros com nada menos que três equipes apresentando seus modelos para 2017. A Haas vai apresentar o VF17 no circuito de Barcelona e inclusive foi a primeira a definir o cronograma dos testes de pré-temporada, com Kevin Magnussen acelerando o modelo no circuito catalão na segunda-feira. Ainda no domingo, a Red Bull, sob a expectativa de ser a grande rival da Mercedes, vai mostrar o RB13, carro com o qual Daniel Ricciardo e Max Verstappen tentam lutar pela taça. A Toro Rosso vai exibir o STR12, carro que pode contar com uma nova pintura —um azul mais claro, inspirado na latinha do Red Bull Sugar Free —, mas com uma dupla de pilotos já conhecida: Carlos Sainz e Daniil Kvyat.
 
Depois de tudo pronto e de todos os novos carros apresentados, a F1 finalmente vai estar de volta à pista e verá os motores roncando, para festa dos fãs do esporte. Mas isso só dentro de uma semana, na próxima segunda-feira.

PADDOCK GP #65 RECEBE PIPO DERANI E FAZ PRÉVIA DO eP DA ARGENTINA DE F-E



Últimas Notícias
segunda-feira, 20 de novembro de 2017
MotoGP
Endurance
F-E
F1
F1
MotoGP
Nascar
MotoGP
F3
F1
F1
Stock Car
domingo, 19 de novembro de 2017
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook