F1
14/04/2017 11:12

Incomodado, Sainz classifica como “piada completa” diferença das três melhores equipes do grid para resto do pelotão

Carlos Sainz Jr. está incomodado com a diferença de desempenho de Mercedes, Ferrari e Red Bull neste início de temporada frente aos demais carros do grid da F1. O piloto da Red Bull afirmou que essas equipes estão “em outra categoria”
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Carlos Sainz Jr. não anda nada feliz com a diferença imposta por Mercedes, Ferrari e Red Bull para as demais equipes neste início de temporada da F1. Com as grandes mudanças no regulamento da categoria, havia alguma expectativa de o grid embaralhar um pouco - a alteração mais significativa foi a aproximação da Ferrari para a Mercedes. De certa maneira isso até aconteceu com o pelotão intermediário, mas a diferenças destes carros para as top-3 da atualiddade tem se mostrado uma eternidade. 
 
Para se ter uma ideia desse distanciamento, no GP da Austrália, que abriu os trabalhos deste ano na F1, o tempo da pole-position de Lewis Hamilton foi 1s886 mais rápido do que Romain Grosjean, da Haas, o sexto no grid e "melhor do resto". No GP da China, no último fim de semana, Felipe Massa da Williams ficou com o sexto tempo na classificação, 1s829 atrás de Hamilton. 
Carlos Sainz (Foto: Red Bull Content Pool)
Depois de uma pré-temporada de certa forma complicada a Toro Rosso vem mostrando alguma consistência no pelotão do meio. A escuderia chegou ao Q3 nas duas classificações até aqui, mas cerca de 2s atrás do líder.
 
"Para mim, eles estão em uma categoria diferente", falou Sainz sobre as três melhores equipes do grid na atualidade. "Eu nem olho para eles, é estúpido, é uma piada completa o jeito como nós disputamos contra eles", acrescentou.
 
"Fico um pouco incomodado, mas tenho certeza de que se eu estivesse em uma dessas equipes eu não me importaria com certeza. "[A margem] é algo que eu não gosto e não tenho certeza se Lewis gosta disso. Lewis ter Sebastian Vettel para brigar este ano é emocionante."
 
Olhando adiante, Sainz não enxerga muita perspectiva de mudança ao longo da temporada 2017, na verdade, teme que a diferença entre as melhores equipes e o resto do grid deve aumentar.
 
"Acho que só pode aumentar porque tem a ver com o dinheiro. Equipes como a Renault também podem fazer a diferença vindo de trás com mais orçamento", comentou Saiz, antes de tentar levantar a bola de seu time. "Mas acho que o diretor técnico da Toro Rosso, James Key, vai fazer um ótimo trabalho e nós vamos trazer boas atualizações e manter boas batalhas", encerrou.
 
VERSTAPPEN É O PILOTO MAIS IMPRESSIONANTE A ESTREAR NA F1? VEJA

Últimas Notícias
sexta-feira, 14 de abril de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
quinta-feira, 13 de abril de 2017
F1
F1
F3
F1
MotoGP
F1
Nascar
F1
Indy
F1
Galerias de Imagens
Facebook