F1
21/10/2017 20:45

Longe de Hamilton e atrás de Vettel em Austin, Bottas admite decepção e filosofa: “Sempre temos amanhã”

Terceiro colocado no grid de largada para o GP dos Estados Unidos, Valtteri Bottas ficou extremamente decepcionado com o rendimento que teve em Austin. Terminou atrás do companheiro e também de Sebastian Vettel. Depois, foi só desânimo
Warm Up, do Circuito das Américas
EVELYN GUIMARÃES, de Austin
PEDRO HENRIQUE MARUM, do Rio de Janeiro

A expectativa de Valtteri Bottas para o treino classificatório para o GP dos Estados Unidos, neste sábado (21), era alta. No mínimo de conquistar uma primeira fila, visto que a Mercedes pintava como dominante. Não foi o que aconteceu, e Bottas não tentou esconder o desagrado.
 
Logo após sair do carro num treino em que terminou com a terceira colocação - quase 0s5 atrás de Lewis Hamilton e também tendo sido mais lento que Sebastian Vettel -, Bottas só conseguiu articular que estava decepcionado com o desempenho. Paciência.
 
"Estou muito, muito desapontado. Muito. Estava parecendo bom para a gente, bem próximo mesmo de Lewis em dado momento. É decepcionante, mas sempre temos amanhã", falou.  
Valtteri Bottas (Foto: Mercedes)
"Vamos fazer o melhor que pudermos na corrida e veremos o que vai sair", encerrou.
 
Bottas tem 234 e já abandonou a disputa pelo título mundial da F1 há tempos, mas se aproximou ferozmente de Vettel nas últimas corridas: apenas 13 pontos separam os dois

A largada para o GP dos Estados Unidos está marcada para as 17h (de Brasília). O GRANDE PRÊMIO cobre a etapa texana da F1 ‘in loco’ e AO VIVO e em TEMPO REAL.
RITMO DE FESTA

PADDOCK GP CHEGA À EDIÇÃO 100 COM HISTÓRIAS IMPERDÍVEIS DE EDGARD MELLO FILHO
 

Últimas Notícias
sexta-feira, 15 de dezembro de 2017
F1
Truck
Kart
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
F1
Kart
Galerias de Imagens
Facebook