F1
07/03/2017 16:40

Massa alfineta semana atrapalhada de Stroll e pede que Williams “fique longe dos acidentes” até final da pré-temporada

Felipe Massa deu uma cutucada no companheiro novato Lance Stroll. Depois de encerrar a terça-feira (7) com 168 voltas, Massa pediu que a Williams não tenha mais acidentes pelo resto da pré-temporada e consiga repetir o feito conseguido por ele nos próximos dias
Warm Up, de Barcelona
PEDRO HENRIQUE MARUM, do Rio de Janeiro
 

Um dia extremamente produtivo da Williams nesta terça-feira (7) fez com que a equipe tirasse o atraso depois dos problemas da semana passada. Felipe Massa liderou a tabela de tempos marcando 168 giros ao longo dos dois turnos. E o que agora a equipe precisa fazer no resto da pré-temporada após um dia em que conseguiu fazer de um tudo? Segundo Massa, precisa não ter acidentes - um recado que vai direto ao novato Lance Stroll.
 
Foi Stroll quem teve várias dificuldades para manter o carro da Williams na pista nos três dias em que acelerou na semana passada - e fez com que a equipe tivesse que mandar um novo chassi direto da Inglaterra. Massa, com moral após um dia impressionante, deu sua alfinetada.
 
"Sempre que você perde um dia, isso não é bom. Quem sabe se algumas coisas que fizemos hoje poderíamos ter feito semana passada, mas não foi possível. Mas conseguimos fazer muito hoje. Terminamos com uma boa sensação do carro, vimos que é confiável, o que é importante. Sem dúvidas quando você perde um dia de atividades pelo carro não ser confiável, isso é pior. Não foi nosso caso", disse.
 
Stroll pega no carro nos próximos três dias, embora ele só ande sozinho na sexta-feira - a Williams promove uma divisão de turnos entre os dois pelos próximos dois dias. Para começar o ano carregando toda a positividade conseguida nesta terça-feira, é bom que a Williams siga rodando um monte de vezes por dia. 
Lance Stroll bateu na barreira de pneus de Barcelona (Foto: Reprodução/Twitter)
"Ainda temos três dias pela frente, temos muitos elementos para testar, então precisamos rodar tudo que der. É muito fácil sair da pista. Precisamos continuar fazendo o que eu fiz hoje nos próximos dias. Sem dúvida será grandioso para a equipe", encerrou sobre o assunto.
 
O ex-aposentado também tratou da declaração de Lewis Hamilton, que disse torcer para a Williams voltar a disputar as primeiras colocações na F1. Mas, realista, afastou essa hipóteses por enquanto, por mais que o time de Grove esteja otimista.
 
"Acredito que nós gostaríamos mais que ele, sem dúvidas. Mas precisamos esperar para ver. Definitivamente a Mercedes mostrou uma grande velocidade na semana passada. Não acredito que estejamos no mesmo nível deles, mas penso que podemos lutar, disputar pódios, isso já seria ótimo. Mas temos que esperar e ver o que acontece na Austrália", analisou.

GRANDE PRÊMIO acompanha ‘in loco’ a segunda sessão de pré-temporada em Barcelona com o repórter Thiago Arantes e o fotógrafo Arnau Puig. Acompanhe AO VIVO e em TEMPO REAL.
 
A temporada da F1 começa com o GP da Austrália no domingo de 26 de março. 

PADDOCK GP #67 RECEBE OZZ NEGRI E DEBATE TESTES DA F1 EM BARCELONA


 
 

Últimas Notícias
quinta-feira, 27 de julho de 2017
Copa Grande Prêmio
F1
F1
F1
F1
F1
F1
Copa Grande Prêmio
F1
F1
Copa Grande Prêmio
Nascar
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook