F1
16/09/2017 10:32

Massa sofre furo em pneu após batida ainda no Q1, larga em 17° em Singapura e se conforma: “Já era esperado”

Piloto brasileiro já previa na sexta-feira que o final de semana da Williams não seria dos mais positivos. Ele só não esperava ter que se conformar com isso já na classificação deste sábado, quando não conseguiu passar nem ao Q2 após perder o controle do carro logo em sua primeira tentativa de volta
Warm Up
FELIPE NORONHA, de São Paulo

Felipe Massa já previa, na sexta-feira, que o final de semana em Singapura não seria dos mais positivos tanto para ele como para a Williams. O triste para o brasileiro é que a aposta se provou correta muito cedo: ainda no Q1 do treino de classificação, neste sábado (16).

Conseguindo marcar apenas uma volta rápida, o brasileiro sairá em 17° na corrida de domingo (1min44s014). Seu companheiro de equipe, Lance Stroll, não foi melhor: estará ao seu lado na penúltima fila, em 18° (1min44s728).

"Já era esperado um final de semana assim aqui, como está sendo. O carro não tem rendimento bom nessa pista, como não teve em Monaco, em pistas com retas curtas, que são ruins para nossa aerodinâmica", se conformou Massa.

Além da lentidão do carro da Williams, Massa sofreu com um erro próprio, que o fez ter um furo de pneu logo em sua primeira tentativa de marcar tempo.

Massa perdeu o controle de sua Williams na curva da entrada dos boxes, batendo no muro. Rapidamente, avisou a equipe via rádio: "Tenho um furo". Parecia o fim das esperanças de Q2 para o piloto. 
Massa 'beija' o muro com força e danifica a roda traseira direita do seu FW40 (Foto: Reprodução)
Surpreendentemente, o brasilero ainda conseguiu voltar à pista, com menos de dois minutos para o fim do Q1. Mas sua volta foi cheia de pequenos erros, que o colocaram, primeiramente, em 15°. Em seguida Jolyon Palmer e Nico Hülkenberg fizeram melhores tempos e tiraram Massa do Q2.

"A classificação não foi boa, encostei no muro na primeira tentativa, na segunda dava para passar para o Q1, mas errei na última curva, acabei perdendo a traseira do carro e perdi meio segundo. Poderia ter ido ao Q2 com tranquilidade, mas infelizmente as coisas não ajudaram e amanhã na corrida é ter paciência pra ver o que acontece. Agora é tirar o máximo do carro, tentar fazer mais do que ele consegue, mas hoje não deu", completou o brasileiro.

Massa é o 11° no Mundial de pilotos, com 31 pontos. Stroll é apenas o 13°, com 24.

ALONSO SEM HONDA EM 2018?

É CAPAZ DE A TORO ROSSO IR BEM E A RENAULT FALHAR NA MCLAREN 
 


Últimas Notícias
sexta-feira, 17 de novembro de 2017
F1
Nascar
Brasileiro de Marcas
Brasileiro de Turismo
F1
Rali
F1
World Series
Stock Car
Endurance
World Series
World Series
Stock Car
World Series
F1
Galerias de Imagens
Facebook