F1
01/01/2017 09:54

Ocon se diz feliz por chance na Force India em 2017, mas já admite pressão e cobrança por resultados

Esteban Ocon não escondeu a felicidade pela chance de defender a Force India na F1 em 2017, mas também admitiu que a oportunidade também trouxe uma incômoda pressão e cobrança por resultados. O jovem francês fez a estreia na F1 no ano passado, andando pela Manor
Warm Up
Redação GP, de Leipzig
 

Esteban Ocon ganhou a grande chance na F1 ao ser chamado para o lugar de Rio Haryanto na Manor, abrindo a metade da temporada. O desempenho do francês impressionou e lhe garantiu um salto importante para 2017, quando vai defender a Force India ao lado de Sergio Pérez. Apesar de se sentir feliz com a oportunidade, Ocon não escondeu também que o contrato com os indianos trouxe a incômoda pressão por resultados e a cobrança por atender às expectativas da equipe.
 
"É ótimo que eles tenham me escolhido, mas isso também traz uma pressão enorme", afirmou o piloto em entrevista ao site 'F1i''. "Eles esperam que eu apresente um grande trabalho. Por isso, agora tenho de trabalhar muito duro para cumprir essa tarefa. E ainda muito trabalho a ser feito", completou.
Esteban Ocon estreou pela Manor, mas vai defender a Force India em 2017 (Foto: Manor)

Entende-se que um dos fatores que influenciaram na contratação de Ocon pela Force India foi a performance do jovem durante os testes coletivos realizados na Áustria em 2015. Para Esteban, aquela foi uma grande oportunidade e serviu para mostrar ao time que merecia uma chance.
 
"O teste ajudou muito. Acho que, se não tivesse participado, eles nunca teriam me notado. O teste foi uma coincidência de início, mas, no fim, valeu muito a pena. Fui o segundo colocado naquele dia e lembro que foi um dos melhores testes que já fiz", encerrou.

Últimas Notícias
sábado, 25 de março de 2017
F1
F1
F1
sexta-feira, 24 de março de 2017
F1
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
F-Inter
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook