F1
23/11/2017 10:43

Por Halo em 2018, Hamilton fala em última chance de ver carros bonitos na F1. Mas aceita “pela segurança”

Lewis Hamilton voltou a falar sobre a introdução do Halo para 2018 na F1. O inglês se mostrou insatisfeito por achar que a peça vai tornar os carros muito diferentes. Sebastian Vettel também concorda, mas entende que é algo necessário e que não será difícil de se acostumar
Warm Up
EVELYN GUIMARÃES, de Curitiba

Os carros da F1 vão parecer muito diferentes em 2018. Depois de efetuar uma mudança drástica no desenho dos carros neste ano, quando os modelos ganharam pneus mais largos e se tornaram maiores, agradando a pilotos e público, o Mundial agora vai promover uma segunda alteração – e que vai mexer com a concepção dos monopostos da principal categoria do esporte a motor no mundo. Isso por conta da introdução do Halo. 
 
A FIA (Federação Internacional de Automobilismo) decidiu dar o primeiro grande passo para ampliar a segurança dentro do cockpit e optou por acoplar no habitáculo a peça que se parece com um arco. O elemento foi amplamente testado nos dois últimos anos, mas ainda não é uma unanimidade entre os competidores, embora todos concordem que a busca por tornar o esporte mais seguro precisa prevalecer.
Hamilton não está muito safisfeito de ver a F1 com o Halo (Photo: Xavier Bonilla / Grande Premio)
Falando aos jornalistas em Abu Dhabi nesta quinta-feira (23), onde a F1 está para a etapa final da temporada 2017, o tetracampeão Lewis Hamilton voltou a criticar a escolha do halo. "Esta é a última corrida em que veremos carros bonitos", disse o piloto da Mercedes, ao ser questionado sobre o elemento. 
 

"A partir do ano que vem, tudo vai ficar menos legal em termos de visual dos carros, mas a segurança vai aumentar, ao menos. Talvez iniciaremos uma nova tendência no ano que vem", completou.

Já Sebastian Vettel foi menos crítico que o rival, mas também entende que a F1 vai novamente enfrentar um desafio. "Os carros realmente serão diferentes, mas nós vamos nos acostumar a eles. Não há dúvida de que os modelos são melhores agora. Mas teremos de trabalhar um pouco mais na estética, aí acho que tudo vai ficar bem. No fim, não é um grande problema", disse.
 
A opinião é mesma de Daniel Ricciardo. "Não tenho muito a dizer sobre o halo. Não acho que será algo dramático", emendou.
 
Além da F1, a F2 também vai usar o elemento em seus carros a partir do próximo ano, assim como os demais monopostos sancionados pela FIA daqui em diante.

GRANDE PRÊMIO acompanha o GP de Abu Dhabi, a última etapa da temporada 2017 da F1, AO VIVO e em TEMPO REAL.  
“CHORAVA COMO UM BEBÊ”

FÉLIX DA COSTA REVELA TRISTEZA APÓS PERDER CHANCE NA F1


Últimas Notícias
domingo, 10 de dezembro de 2017
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Brasileiro de Turismo
Brasileiro de Marcas
Brasileiro de Turismo
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Stock Car
F1
F1
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook