F1
16/09/2017 07:59

Red Bull volta a dominar e põe Verstappen na frente do terceiro treino em Singapura. Vettel e Hamilton fecham top-3

A Red Bull voltou a dar as cartas em Singapura. No fim da tarde deste sábado, Max Verstappen cravou o melhor tempo do terceiro treino, seguido por Sebastian Vettel e Lewis Hamilton. Fernando Alonso foi um dos bons nomes da sessão e terminou em quarto lugar
Warm Up
FERNANDO SILVA, de Sumaré

Depois de Daniel Ricciardo terminar os dois treinos livres de sexta-feira na frente, Max Verstappen tratou de dar sequência ao domínio da Red Bull em Singapura. No fim da tarde deste sábado (16) na cidade-estado, o holandês alcançou a melhor volta do terceiro treino livre e cravou 1min41s829, porém quase 1s longe do recorde da pista, registrado pelo australiano. Desta vez, Ferrari e Mercedes ficaram mais perto, o que indica mesmo grande batalha pela pole-position logo mais. Sebastian Vettel terminou em segundo lugar, logo à frente de Lewis Hamilton.

Destaque para a McLaren, que fez ótimo treino e colocou seus dois pilotos no top-5. Fernando Alonso finalizou na quarta posição e foi seguido pelo belga Stoffel Vandoorne. Ricciardo desta vez não conseguiu encaixar boa volta e foi apenas o sexto, à frente de Nico Hülkenberg e Valtteri Bottas. Kimi Räikkönen decepcionou mais uma vez e foi o nono, com Sergio Pérez completando o rol dos dez primeiros. Felipe Massa terminou em P15.

A sessão classificatória que vai definir o grid de largada do GP de Singapura acontece logo mais, às 10h (horário de Brasília) O GRANDE PRÊMIO acompanha tudo AO VIVO e em TEMPO REAL por meio do novo livetiming.
Max Verstappen liderou o treino livre deste sábado em Singapura (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Saiba como foi o terceiro treino do GP de Singapura de F1

No anoitecer do sábado em Singapura, as equipes liberaram seus pilotos à pista inicialmente com pneus macios, que dificilmente devem ser usados durante a corrida, para as voltas de instalação. Mas logo Nico Hülkenberg, um dos destaques da sexta-feira com a Renault, já acelerava com os ultramacios. Pouco a pouco, todo mundo já treinava com os compostos roxos.

A primeira marca do dia foi registrada por Valtteri Bottas, que assinalou 1min45s222. O nórdico, contudo, queixava-se de falta de aderência do seu Mercedes, o que já aconteceu na última sexta-feira. Em seguida, a dupla da Ferrari não teve dificuldades para bater Valtteri. Primeiro foi Räikkönen, e em seguida Vettel tomou a liderança com 1min43s237, mesmo com um 'beijo' no muro durante sua volta rápida.

Pouco depois, com 15 minutos de treino, Hamilton vinha para completar sua primeira volta. Mas seu tempo foi bem inferior ao de Vettel, exatamente 0s993 mais lento. Räikkönen não fazia volta muito melhor. Mesmo subindo para segundo, o 'Homem de Gelo' estava 0s939 atrás do seu companheiro de Ferrari. Ao mesmo tempo, Fernnado Alonso seguia nos boxes da McLaren enquanto a equipe efetuava a troca do pedal do freio do seu MCL32.
Sebastian Vettel liderou boa parte dos trabalhos deste fim de tarde em Singapura (Foto: Ferrari/Twitter)
Ainda sem a presença dos carros da Red Bull, a Force India se destacava com Esteban Ocon aparecendo em quarto lugar após 21 minutos de treino. Mas o francês era superado em seguida pelas Toro Rosso de Daniil Kvyat e Carlos Sainz. Até que Pérez, com a outra Force India, fazia excelente tempo e subia para segundo no treino, 0s7 atrás de Vettel, seguido por Ocon, que melhorava bem seu tempo.

Só então vieram as Red Bull. Na primeira volta rápida, Ricciardo tirou o pé no útimo setor, mas Max Verstappen não aliviou. O holandês cravou 1min42s249, 0s988 mais rápido que Vettel, e tomou com facilidade a dianteira do treino. Em seguida, o dono do carro #3 conseguiu encaixar uma boa volta para ficar 0s268 atrás, completando o momentâneo 1-2 taurino. Vettel aparecia em terceiro, seguido por Bottas e Hülkenberg.
Marcus Ericsson destruiu a traseira da sua Sauber após batida na curva 19 (Foto: F1/Twitter)

Com 27 minutos para o desfecho do treino, Marcus Ericsson batia a traseira do seu carro no muro. Era o único momento de 'destaque' do sueco, que acabou causando a bandeira vermelha na sessão para que os fiscais de pista pudessem remover os detritos deixados na curva 19. Não à toa, a Ferrari trabalha em conjunto com a parceira para encaixar de uma só vez dois pilotos para 2018: Charles Leclerc e Antonio Giovinazzi.

A sessão foi retomada com 19 minutos para o fim da sessão, com todos os carros das equipes de ponta usando pneus ultramacios novos. Era a última simulação em ritmo de classificação antes do treino de logo mais. Bottas saiu na frente, com Vettel pouco mais atrás. E Hamilton bem que tentou, mas não conseguiu passar Räikkönen, ficando encaixotado pelo veterano finlandês.

Vettel quebrou a marca de Verstappen e subiu para a ponta com 1min41s919, melhorando depois para 1min41s901. E Hamilton melhorou sua posição e saiu de décimo lugar, mas não foi além da quinta posição, ficando atrás até de Bottas. Mas a ordem do top-5 voltaria a mudar depois que Alonso encaixou grande volta e subiu para a quarta colocação. O piloto da McLaren foi superado, pouco depois, por Hamilton e Bottas. O tricampeão do mundo subia para terceiro, duas posições à frente do colega de equipe.

No fim, contudo, Verstappen conseguiu voltar à pista para superar Vettel. O holandês registrou 1min41s829 e bateu o vice-líder do campeonato para reafirmar a Red Bull como grande força até agora na cidade-estado. Destaque para as duas McLaren, que se colocaram em quarto e quinto com Alonso e Vandoorne. Assim, Ricciardo não conseguiu passar do sexto lugar.



F1 2017, GP de Singapura, Marina Bay, terceiro treino livre: 

1   33 Max VERSTAPPEN HOL Red Bull Tag Heuer 1:41.829   12
2   5 Sebastian VETTEL ALE Ferrari 1:41.901 +0.072 13
3   44 Lewis HAMILTON ING Mercedes 1:41.971 +0.142 16
4   14 Fernando ALONSO ESP McLaren Honda 1:42.383 +0.554 11
5   2 Stoffel VANDOORNE BEL McLaren Honda 1:42.439 +0.610 13
6   3 Daniel RICCIARDO AUS Red Bull Tag Heuer 1:42.517 +0.688 11
7   27 Nico HÜLKENBERG ALE Renault 1:42.549 +0.720 10
8   77 Valtteri BOTTAS FIN Mercedes 1:42.592 +0.763 16
9   7 Kimi RÄIKKÖNEN FIN Ferrari 1:42.708 +0.879 16
10   11 Sergio PÉREZ MEX Force India Mercedes 1:43.010 +1.181 14
11   31 Esteban OCON FRA Force India Mercedes 1:43.109 +1.280 15
12   55 Carlos SAINZ IDN Toro Rosso Renault 1:43.356 +1.527 17
13   30 Jolyon PALMER ING Renault 1:43.368 +1.539 11
14   26 Daniil KVYAT RUS Toro Rosso Renault 1:43.574 +1.745 17
15   19 Felipe MASSA BRA Williams Mercedes 1:43.724 +1.895 17
16   20 Kevin MAGNUSSEN ITA Haas Ferrari 1:44.041 +2.212 16
17   18 Lance STROLL CAN Williams Mercedes 1:44.223 +2.394 18
18   8 Romain GROSJEAN FRA Haas Ferrari 1:44.295 +2.466 16
19   94 Pascal WEHRLEIN ALE Sauber Ferrari 1:45.760 +3.931 15
20   9 Marcus ERICSSON SUE Sauber Ferrari 1:46.339 +4.510 7
          Tempo 107% 1:48.957 +7.128  
                 
Recorde Daniel RICCIARDO AUS Red Bull Tag Heuer 1:40.852 15/09/2017  
Melhor volta Daniel RICCIARDO AUS Red Bull Tag Heuer 1:47.187 18/09/2016  

ALONSO SEM HONDA EM 2018?

É CAPAZ DE A TORO ROSSO IR BEM E A RENAULT FALHAR NA MCLAREN 
 

Últimas Notícias
segunda-feira, 23 de outubro de 2017
F1
Copa Grande Prêmio
F1
F1
F1
F1
F1
MotoGP
F1
F1
Nascar
F1
F1
Nascar
F1
Galerias de Imagens
Facebook