F1
20/03/2017 12:47

Renault pede a Liberty Media que transforme montadoras em protagonistas da F1: “Somos os que investem dinheiro”

A Renault espera que o Liberty Media dê mais protagonismo às equipes de fábrica. De acordo com os franceses, está seria uma forma de melhorar o ‘show’ da F1
Warm Up
Redação GP, de Porto Alegre
 
Ainda é muito cedo para avaliar o real efeito da chegada do Liberty Media ao comando da F1. Mas, no que depender da Renault, uma coisa é certa: os novos donos da categoria deveriam transformar as montadoras em protagonistas do espetáculo.
 
O presidente da divisão esportiva da Renault, Jérome Stoll, vê a maior importância das montadoras como parte do processo que visa melhor o ‘show’ da F1.
 
“Tivemos algumas conversas [com o Liberty Media]. Explicamos que seria bom trabalhar nós trabalharmos juntos para melhorar o espetáculo, já que achamos que ele ficou menos atrativo. Precisamos de uma nova era com a Liberty e eles realmente querem fazer algo diferente. Não sei como vai ser, mas nós [as montadoras] queremos ser considerados os protagonistas do show”, disse Stoll, falando ao ‘Motorsport.com’.
(Foto: Xavi Bonilla/Grande Premio)
“Sem montadoras como Mercedes, Ferrari ou nós, os únicos que desenvolvem motores e investem dinheiro, não vai ter espetáculo. Então precisamos estabelecer um diálogo e ver como podemos alcançar nossa meta”, opinou.
 
Se alguém pode dizer que está investindo na F1, este alguém é a Renault: os franceses estão dispostos a investir até R$ 1 bilhão por temporada. Mesmo assim, a equipe ainda está presa no meio do pelotão e deve seguir sem vencer em 2017.
PADDOCK GP #69 DEBATE ABERTURA DA INDY, TESTES DA F1 E MOTOGP E LEMBRA JOHN SURTEES



Últimas Notícias
sexta-feira, 17 de novembro de 2017
F1
Nascar
Brasileiro de Marcas
Brasileiro de Turismo
F1
Rali
F1
World Series
Stock Car
Endurance
World Series
World Series
Stock Car
World Series
F1
Galerias de Imagens
Facebook