F1
10/01/2017 09:53

Substituto de Montezemolo, Marchionne anuncia que vai deixar cargo de presidente da Ferrari no fim de 2018

Substituto de Luca di Montezemolo, Sergio Marchionne confirmou nesta terça-feira (10) que vai deixar o cargo de presidente da Ferrari no fim de 2018. O executivo não apontou quem será seu sucessor à frente da icônica montadora de carros italiana
Warm Up
Redação GP, de Leipzig
 

Sergio Marchionne anunciou que vai deixar a presidência da Ferrari no fim de 2018 e também o comando Grupo Fiat Chrysler. O executivo está à frente da equipe mais tradicional da história da F1 desde o fim de 2014, quando assumiu o cargo que era de Luca di Montezemolo, que ficou por 23 anos no comando da icônica montadora italiana.
 
O anúncio foi feito pelo próprio dirigente durante uma apresentação no Salão do Automóvel de Detroit nesta terça-feira (10). "O meu objetivo é completar o plano 2014-2018, concentrando esforços na obtenção de lucro e benefícios. O plano de sucessão ainda avança e meu sucessor será um chefe interno. John Elkann e o Conselho vão dar a notícia. Mas ainda não podemos dizer quando", afirmou o dirigente.
Sergio Marchionne vai deixar a presidência da Ferrari em 2018 (Foto: Ferrari)

Marchionne também fez declarações sobre os elogios que recebeu por parte do novo presidente dos EUA, Donald Trump, depois que confirmou um investimento de 940 milhões no país e na criação de 2 mil postos de trabalho. "Pelo que entendo, acho que o presidente eleito gostaria de ver uma fusão entre a Chrysler e a General Motors", brincou Sergio, que tem planos de se aposentar no início de 2019.

Na F1, o executivo foi o responsável pela contratação do tetracampeão Sebastian Vettel e do chefe Maurizio Arrivabene, além de promover uma grande reestruturação técnica a partir de 2015. Inicialmente, os esforços foram recompensados, e o time surgiu como vice-campeão, com três vitórias.

Porém, a Ferrari viveu uma temporada 2016 bastante aquém das expectativas. Longe da briga por vitórias, a esquadra vermelha não conseguiu vencer e ainda viu a rival Red Bull crescer e tomar a posição de segunda força do Mundial. 

Últimas Notícias
domingo, 26 de fevereiro de 2017
Nascar
F1
F1
F1
Nascar
MotoGP
F1
F1
F1
F1
Rali
F1
Superbike
MotoGP
sábado, 25 de fevereiro de 2017
F1
Galerias de Imagens
Facebook