F1
23/10/2017 14:23

Toro Rosso anuncia Hartley e Gasly como dupla para GP do México. Kvyat, que pontuou nos EUA, fica fora

A decisão da Toro Rosso surpreende porque vem na esteira da melhor apresentação de Daniil Kvyat no ano. O russo andou no ritmo de Williams, Renault e até mesmo Force India e terminou em décimo lugar. Apesar do auto-reconhecimento, o piloto declarou depois da corrida americana que deixar a F1 é uma possibilidade real dada a incerteza que a equipe o deixou ao longo da temporada
Warm Up
FELIPE NORONHA, de São Paulo


A semana pré-GP dos EUA teve como assunto principal a briga pelo título entre Lewis Hamilton e Sebastian Vettel - e o final com o britânico ficando muito perto de levar o campeonato. Após a corrida, a polêmica envolvendo Max Verstappen dominou o noticiário. Mas a Toro Rosso conseguiu se manter como assunto antes, durante e depois, graças ao neozelandês Brendon Hartley, estreante na categoria em Austin. 

E ele foi bem: terminou a corrida em 13°, sem pontuar, mas conduzindo bem o carro da escuderia e criando a dúvida: ele será mantido para a corrida no México, daqui seis dias? A resposta veio nesta segunda-feira (23): sim, ele estará na equipe. 

A surpresa, porém, é que Daniil Kvyat, que terminou em 10° em seu retorno à equipe nos Estados Unidos, pontuando, fica fora no México: Pierre Gasly será o companheiro do neozelandês, voltando à F1 após não correr nos EUA para participar da final da Super Fórmula - que não ocorreu em razão da passagem de um tufão, deixando Gasly como vice-campeão por meio ponto.
Brendon Hartley (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
A decisão é surpreendente principalmente por causa do russo. Curiosamente, Kvyat havia declarado após a corrida que pensa em deixar a F1 para não ter que "apenas lutar por pontos a vida toda". Agora, parece que a Red Bull decidiu seu futuro, o excluindo da categoria logo após seu melhor momento na temporada - no qual correu no mesmo ritmo das Williams, por exemplo, ficando exatamente entre Felipe Massa, 9°, e Lance Stroll, 11°. Não decepcionou em relação à Renault e Force India, também.

Para Gasly, é mais uma chance de se provar como capaz de ser titular em 2018. O francês declarou após participar do GP do Japão que preferia ficar na F1 para os Estados Unidos do que seguir no Japão para correr a decisão da Super Fórmula, mas foi obrigado pela Honda a tentar buscar o título na casa da montadora.

Já Hartley pode "relaxar" de vez. Ele havia dito, após a corrida, que se sentia satisfeito com o desempenho que teve. Aparentemente, o sentimento foi compartilhado pela direção da Toro Rosso.

Antes de saber da decisão para o México, ele havia falado que não havia sido perguntado sobre isso ainda. Se mostrava positivo, porém: "Foi o mesmo quando eles me chamaram para testar o simulador. Eu não queria saber (se significaria correr na F1), só fiz meu trabalho, e foi assim que fiz neste final de semana."

"Eu na verdade tenho estado relaxado e feliz com a maneira com que conduzi as coisas", completou, mostrando confiança no que acabaria se tornando verdade.
Brendon Hartley na pista em Austin (Foto: Getty Images/Red Bull Content Pool)
Agora, Hartley pode se focar em como melhorar na nova oportunidade recebida, como já pensava antes do anúncio de sua continuidade ser oficializado: "Se eu tiver uma nova chance, há muitas coisas que experimentei nas quais posso melhorar. Sempre há o que fazer melhor."

"Se eu fosse correr amanhã novamente, com a experiência que ganhei, eu faria alguams coisas um pouco diferentes. No final da corrida eu comecei a entender um pouco mais, e fiquei bem feliz com meu desempenho", finalizou. Ele poderá provar seu ponto a partir de sexta-feira, nos treinos livres do México.

A F1 volta na semana que vem, dia 29 de outubro, com o GP do México. Foi Hamilton quem venceu em 2016 no autódromo Hermanos Rodríguez enquanto ainda tentava alcançar Nico Rosberg. O GRANDE PRÊMIO acompanha 'in loco' com a repórter Evelyn Guimarães e segue todas as atividades AO VIVO e EM TEMPO REAL com o novo livetiming.
RITMO DE FESTA

PADDOCK GP CHEGA À EDIÇÃO 100 COM HISTÓRIAS IMPERDÍVEIS DE EDGARD MELLO FILHO


Últimas Notícias
quarta-feira, 22 de novembro de 2017
MotoGP
Indy
F1
F1
MotoGP
F1
Copa Grande Prêmio
F1
Endurance
Outras
Outras
Stock Car
F1
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook