F1
19/04/2017 14:18

Vettel diz que 'apagão' nos boxes da Ferrari prejudicou trabalho e só lamenta não ter conseguido dar mais voltas

Sebastian Vettel revelou que uma pane elétrica nas garagens da Ferrari prejudicou o trabalho da equipe italiana no Bahrein, nesta quarta-feira. Ainda assim, o tetracampeão cravou a segunda melhor marca do dia, pouco menos de 0s3 mais lento que Valtteri Bottas
Warm Up
Redação GP, de Curitiba
 

Sebastian Vettel voltou à pista do Bahrein, nesta quarta-feira (19), para o segundo e último dia de testes coletivos da F1. O alemão, entretanto, revelou que as atividades da Ferrari foram prejudicadas por um blecaute na garagem da equipe italiana. Ainda assim, o líder do campeonato, que se concentrou no trabalho de avaliação dos pneus da Pirelli na terça-feira, cravou a segunda melhor marca da sessão, com 1min31s574 - apenas 0s294 mais lento que Valtteri Bottas, o mais veloz do dia.
 
"Seria bom ter feito mais voltas", disse o tetracampeão, que andou por 64 voltas contra 143 do finlandês da Mercedes. 
 
"Mas tivemos alguns pequenos problemas pela manhã, o que é algo normal para testes, mas, em seguida, à tarde, perdemos mais tempo quando houve uma pane elétrica em nossa garagem", completou.
Sebastian Vettel é o líder do campeonato em 2017 (Foto: Twitter/F1)

"Em todo caso, é sempre um prazer pilotar o carro, mas os tempos de volta não significam muito, dado que não sabemos quais os programas técnicos das demais equipes", emendou Vettel, que venceu no domingo o GP barenita.
 
O ferrarista comanda a classificação da F1 com sete pontos a mais que Lewis Hamilton, depois de faturar duas das três primeiras corridas da temporada 2017. A próxima etapa acontece no fim do mês, na Rússia, no circuito de Sóchi.
 

PADDOCK GP #74 DEBATE: QUAIS OS PILOTOS COM POTENCIAL DE FUTURO CAMPEÃO MUNDIAL DE F1?



Últimas Notícias
domingo, 22 de outubro de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
Stock Car
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook