F1
19/04/2017 14:18

Vettel diz que 'apagão' nos boxes da Ferrari prejudicou trabalho e só lamenta não ter conseguido dar mais voltas

Sebastian Vettel revelou que uma pane elétrica nas garagens da Ferrari prejudicou o trabalho da equipe italiana no Bahrein, nesta quarta-feira. Ainda assim, o tetracampeão cravou a segunda melhor marca do dia, pouco menos de 0s3 mais lento que Valtteri Bottas
Warm Up
Redação GP, de Curitiba
 

Sebastian Vettel voltou à pista do Bahrein, nesta quarta-feira (19), para o segundo e último dia de testes coletivos da F1. O alemão, entretanto, revelou que as atividades da Ferrari foram prejudicadas por um blecaute na garagem da equipe italiana. Ainda assim, o líder do campeonato, que se concentrou no trabalho de avaliação dos pneus da Pirelli na terça-feira, cravou a segunda melhor marca da sessão, com 1min31s574 - apenas 0s294 mais lento que Valtteri Bottas, o mais veloz do dia.
 
"Seria bom ter feito mais voltas", disse o tetracampeão, que andou por 64 voltas contra 143 do finlandês da Mercedes. 
 
"Mas tivemos alguns pequenos problemas pela manhã, o que é algo normal para testes, mas, em seguida, à tarde, perdemos mais tempo quando houve uma pane elétrica em nossa garagem", completou.
Sebastian Vettel é o líder do campeonato em 2017 (Foto: Twitter/F1)

"Em todo caso, é sempre um prazer pilotar o carro, mas os tempos de volta não significam muito, dado que não sabemos quais os programas técnicos das demais equipes", emendou Vettel, que venceu no domingo o GP barenita.
 
O ferrarista comanda a classificação da F1 com sete pontos a mais que Lewis Hamilton, depois de faturar duas das três primeiras corridas da temporada 2017. A próxima etapa acontece no fim do mês, na Rússia, no circuito de Sóchi.
 

PADDOCK GP #74 DEBATE: QUAIS OS PILOTOS COM POTENCIAL DE FUTURO CAMPEÃO MUNDIAL DE F1?



Últimas Notícias
segunda-feira, 26 de junho de 2017
F1
F1
F1
F1
Superbike
MotoGP
Nascar
F1
Nascar
MotoGP
MotoGP
F1
F1
MotoGP
F1
Galerias de Imagens
Facebook