F1
12/08/2017 09:49

Vettel vê vantagem parcial da Mercedes, mas garante que Ferrari sabe onde precisa melhorar carro: “E agora temos tempo”

Sebastian Vettel não se furta em admitir que a Mercedes leva certa vantagem em algumas pistas do Mundial de F1, mas não se preocupa: não falta confiança. Segundo o tetracampeão, a Ferrari sabe bem em quais áreas precisa evoluir durante o recesso de verão
Warm Up
Redação GP, do Rio de Janeiro

É inegável que 2017 é o ano em que a Ferrari conseguiu colocar na pista o melhor carro desde a geração das unidades de força na F1. Com mais da metade da temporada passada e em meio às férias de verão, Sebastian Vettel é quem lidera o Campeonato Mundial. Bom, claro. A Mercedes, porém, tem um carro tão bom ou até melhor de acordo com o rendimento nas últimas etapas. Mas, de acordo com Vettel, a equipe de Maranello entrou nas férias com conhecimento de quais seus maiores problemas.
 
Vettel admitiu a superioridade da Mercedes em certas etapas, mas garantiu que a Ferrari deseja deixar a rival para trás de vez e que sabe o que precisa fazer para tanto.
 
"Somos competitivos em todas as pistas em que fomos. É verdade que a Mercedes esteve mais competitiva que nós em alguns lugares, é normal, as pistas são diferentes. Nós, pilotos, gostamos mais de algumas pistas do que de outras, vale da mesma forma para o carro. É normal que varie, mas não é nossa meta. Queremos ser os melhores em todos os lugares. Não é o caso ainda, mas estamos trabalhando nisso", falou.
 
"Temos uma boa compreensão do que o carro precisa. Agora temos mais tempo para analisar do que o carro precisa com mais calma, além de tentar melhorar", seguiu.
Sebastian Vettel (Foto: Ferrari)
Toda a confiança do tetracampeão na equipe em 2017 é fruto do trabalho que colocou a Ferrari num nível diferente daquele visto nos últimos anos. Certamente melhor do que Vettel havia conhecido no tempo dele em Maranello.
 
"É justo dizer que nos últimos dois anos nós não tivemos o melhor carro e que não fomos muito fortes no desenvolvimento do carro. Se você analisar os três últimos anos, 2017 é a história diferente e ainda estamos avançando. Trouxemos muitas atualizações e vimos muita gente copiando o nosso. É um bom sinal", afirmou. "É um testemunho de bom trabalho e dos nossos feitos com este projeto. Continuamos forçando", seguiu.
 
"A equipe está melhor esse ano. Se você tem os resultados, começa a obter 'momentum'. É com a gente manter isso. Estou confiante de que temos o pessoal certo. Sabemos que temos condições de montar um bom carro, melhoramos o motor demais neste ano, então tudo anda na direção correta. Estou confiante que estaremos sempre na briga por muitos pontos", encerrou.
 
A F1 volta em dois fins de semana com o GP da Bélgica.
SE A RENAULT NÃO COLOCAR KUBICA DE VOLTA NA F1, ALGUÉM VAI COLOCAR


Últimas Notícias
sábado, 12 de agosto de 2017
MotoGP
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
MotoGP
F1
MotoGP
sexta-feira, 11 de agosto de 2017
Truck
Indy
MotoGP
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook