Indy
11/03/2017 21:59

Dixon fala em carro “extremamente rápido” e assume culpa por perda da pole: “Cometi um erro na volta rápida”

Scott Dixon reconheceu que errou justamente quando não podia. Segundo o neozelandês, uma pequena falha na volta rápida acabou lhe custando a pole em São Petersburgo
Warm Up
GABRIEL CURTY, de São Paulo
 

Scott Dixon foi o cara dos treinos livres, mas deixou a pole escapar no detalhe neste sábado (11) em São Petersburgo. O neozelandês assumiu a culpa pela perda da primeira posição para Will Power, mas mostrou confiança na Ganassi para a corrida, apostando que pode tomar a dianteira "quando realmente importa".
 
Dixon explicou que tinha um grande carro e lamentou bastante o erro que cometeu justamente durante a volta rápida no Fast Six.
 
"Infelizmente a culpa foi minha hoje. Nós tínhamos um carro extremamente rápido e deveríamos estar na pole. Eu cometi um pequeno erro na minha volta rápida e assim fiquei em segundo", disse.
Scott Dixon larga em segundo em São Petersburgo (Foto: Indycar)
O veterano admitiu que ficou frustrado com o resultado final, mas elogiou o trabalho coletivo de Ganassi e Honda e falou em tomar a dianteira na corrida.
 
"Obviamente eu estou desapontado, mas o time tem quatro carros muito velozes. Estamos trabalhando bem juntos e com a Honda. Não vejo a hora de correr amanhã, espero que nosso carro esteja na ponta quando realmente importa", completou.
 
PADDOCK GP #68 ANALISA SEGUNDA SEMANA DE TESTES DA F1 EM BARCELONA


Últimas Notícias
sábado, 22 de abril de 2017
Indy
MotoGP
MotoGP
Indy
MotoGP
MotoGP
Brasileiro de Marcas
Indy
MotoGP
Stock Car
MotoGP
Indy
MotoGP
MotoGP
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook