Indy
27/01/2016 08:00

Na Garagem: IRL estreia com vitória de Calkins no oval da Disney em Orlando

Há exatos 20 anos, o racha dos monopostos norte-americanos tornou-se realidade com a realização da primeira corrida da história da Indy Racing League: em 27 de janeiro de 1996, Buzz Calkins venceu no Walt Disney World Speedway, em Orlando
Warm Up
RENAN DO COUTO, de São Paulo
Faz 20 anos que o Walt Disney World Speedway, oval de uma milha da Disney em Orlando, recebeu a corrida inaugural da Indy Racing League.
 
A IRL nasceu do famigerado racha dos monopostos no automobilismo norte-americano em meados da década de 1990. A CART era extremamente popular, mas os críticos começavam a reclamar da escalada dos custos e do modo como a tecnologia estava se tornando um fator central na categoria.
 
Só que quem estava do lado de lá da briga tinha bala: Tony George, dono do oval de Indianápolis. Em 1994, ele anunciou a criação da IRL, levando consigo times menos abastados, e, em 27 de janeiro de 1996, a primeira corrida do novo campeonato aconteceu.
Buzz Calkins em Orlando a caminho da única vitória da carreira na IRL (Foto: IndyCar)
Com transmissão da ABC nos Estados Unidos, umas das quatro principais redes de TV aberta, 25 carros receberam a bandeira verde na Flórida. Utilizavam-se chassis de 1995 ou mais antigos da Cart, da Lola e da Reynard, e com motores Ford, Menard e Buick, e um limite de gastos.
 
Os nomes incluíam veteranos da Indy, como Eddie Cheever, Scott Brayton, Arie Luyendyk, Buddy Lazier, Roberto Guerrero e Scott Sharp, entre outros. Veteraníssmo da F1, Michele Alboreto era outro. E, entre os novatos, um futuro grande nome da Nascar: Tony Stewart.
 
A pole em Orlando ficou com Lazier, com uma média de velocidade de 181,388 mph. Guerrero e Luyendyk seguiram.
 
Na corrida, no entanto, os figurões não tiveram vez. Stewart e outro novato, Buzz Calkins, revezaram-se na liderança. A decisão aconteceu apenas nas voltas finais: uma relargada a seis giros da quadriculada colocou Calkins e Stewart lado a lado, e 0s886 separaram ambos na linha de chegada — para a vitória de Calkins. Robbie Buhl foi o terceiro, à frente de Alboreto, mas já duas voltas atrás.

 
Mais duas corridas foram disputadas na temporada inaugural, com a decisão ocorrendo nas 500 Milhas de Indianápolis — o plano era sempre encerrar o campeonato no ‘Brickyard’, plano que eventualmente foi descartado. Calkins e Sharp empataram em pontos e, como não havia critério de desempate, ambos foram declarados campeões.

Até se retirar do grid em 2001, Calkins fez mais 50 largadas na IRL, mas nunca voltou a vencer.
Últimas Notícias
sábado, 27 de maio de 2017
F1
sexta-feira, 26 de maio de 2017
Indy
Nascar
Indy
MotoGP
F1
Indy
MotoGP
Indy
F2
F1
MotoGP
Superbike
MotoGP
F1
Galerias de Imagens
Facebook