Indy
11/03/2017 18:11

Power acaba com domínio da Honda e garante pole para GP de São Petersburgo. Kanaan larga em 6º

A Honda teve uma classificação quase perfeita em São Petersburgo. A festa dos japoneses foi estragada pela genialidade de Will Power que tirou uma carta da manga e garantiu a pole para a Penske e para a Chevrolet. Tony Kanaan sai em sexto e Helio Castroneves larga em 16º
Warm Up
GABRIEL CURTY, de São Paulo
 

Tudo levava a crer que a Honda sairia com uma vitória esmagadora na classificação deste sábado (11) em São Petersburgo, mas Will Power surgiu e garantiu a pole para Penske e Chevrolet com um grande giro em 1min01s064.

A segunda posição ficou com Scott Dixon, que dominava a classificação e os treinos livres com a Ganassi. James Hinchcliffe, outro que vem andando bem durante o fim de semana todo, sai em terceiro.

O segundo responsável por salvar a Chevrolet nesta tarde foi Josef Newgarden, que assegurou o quarto posto no grid. Takuma Sato surpreendeu e ficou em quinto, com Tony Kanaan largando em sexto.

Max Chilton fez um ótimo trabalho e vai largar em sétimo. Alexander Rossi parte em oitavo, seguido por Charlie Kimball e Graham Rahal, que fecham um top-10 com oito carros da Honda. Carlos Muñoz, terceiro melhor da Chevrolet, é 11º.

O campeão Simon Pagenaud ficou pelo caminho logo na primeira fase e vai largar em 14º. Helio Castroneves, que reclamou dos freios, ficou na mesma do companheiro de equipe francês e sai em 16º.
Will Power fez a pole em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Confira como foi a classificação para o GP de São Petersburgo:

A classificação para o GP de São Petersburgo começou quando os relógios marcavam 17h07 (em Brasília). O primeiro grupo tinha James Hinchcliffe, Max Chilton, Marco Andretti, Ryan Hunter-Reay, Will Power, Charlie Kimball, Carlos Muñoz, JR Hildebrand, Spencer Pigot e Mikhail Aleshin.

Hildebrand, que começou já com os pneus vermelhos, foi o mais rápido no primeiro giro, tendo sido o único a baixar da casa de 1min03s. Os tempos melhoraram bastante na segunda volta, com Power liderando em 1min01s7, seguido por Chilton Pigot e Aleshin.

Power conseguiu melhorar ainda mais na sequência, virando 1min01s5, ainda com Chilton e Pigot como os outros únicos abaixo de 1min02s. Enquanto isso, Muñoz, sexto colocado, era punido por correr nos boxes.

Todo mundo foi para os boxes e colocou um novo jogo de pneus macios. Chilton e Power, mais uma vez, foram para o topo, com o australiano achando um giro em 1min01s0. 

No giro final, ninguém conseguiu tirar Power da ponta, mas Kimball se colocou em segundo, seguido por Hinchcliffe, Chilton, Muñoz e Hunter-Reay. Pigot, Andretti, Aleshin e Hildebrand acabaram eliminados.
Charlie Kimball foi segundo no grupo 1 em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Bourdais bate, Honda sobra e Pagenaud cai

O segundo grupo foi para a pista às 17h21. Nele estavam Scott Dixon, Alexander Rossi, Sébastien Bourdais, Josef Newgarden, Tony Kanaan, Simon Pagenaud, Graham Rahal, Helio Castroneves, Takuma Sato, Ed Jones e Conor Daly.

Ainda na primeira volta de cada piloto, Bourdais acabou com toda empolgação criada nos treinos livres e foi parar no muro na curva 13.

A bandeira verde veio com quatro minutos e todos saíram em busca de suas voltas rápidas para passarem de fase. Newgarden, sem querer saber de brincadeira, fez 1min01s1.

Sobrava, então, o último giro. Dixon tirou um coelho da cartola e cravou 1min00s960. Newgarden se manteve em segundo, seguido por Sato, Kanaan, Rossi e Rahal. O campeão Pagenaud caiu, bem como Castroneves, Jones, Daly e Bourdais, que terminou sem tempo.
Simon Pagenaud caiu na primeira fase da classificação em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Honda coloca quatro no Fast Six e supera marca de 2016

A segunda fase da classificação começou às 17h42 com nove Honda e os sobreviventes da Chevrolet Muñoz, Newgarden e Power. 11 pilotos iniciaram os trabalhos com pneus duros, enquanto Chilton, de macios virava mais rápido.

Os macios entraram na pista e Kimball virou líder com 1min01s6, com Rossi, Newgarden, Power, Dixon e Chilton na sequência. No giro final, como costuma acontecer, várias posições mudaram, com os tempos despencando.

Dixon voltou a tirar coelho da cartola e achou um giro em 1min00s9. Hinchcliffe se meteu em segundo, seguido por Newgarden, Sato, Power e Kanaan. Chilton, Rossi, Kimball, Rahal, Muñoz e Hunter-Reay ficaram pelo caminho.

Desta forma, a Honda colocou quatro carros no Fast Six, algo que não conseguiu durante toda a temporada 2016.
Josef Newgarden andou muito bem na classificação em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Power estraga festa da Honda e é pole

O Fast teve início às 18h02, mas a movimentação na pista só aconteceu nos minutos derradeiros, já depois que a atividade tinha chegado à metade.

Power não quis saber de brincadeira e virou 1min01s064, tempo que foi quase 0s2 melhor que o do segundo colocado Dixon, líder de praticamente tudo até então no fim de semana.

James Hinchcliffe manteve o ótimo momento e fez a terceira marca, seguido por um inspirado Newgarden, um surpreendente Sato e por Kanaan.

Indy, GP de São Petersburgo, Grid de Largada:

1 12 WILL POWER AUS PENSKE CHEVROLET 1:01.064  
2 9 SCOTT DIXON NZL GANASSI HONDA 1:01.222 +0.158
3 5 JAMES HINCHCLIFFE CAN SCHMIDT PETERSON HONDA 1:01.304 +0.240
4 2 JOSEF NEWGARDEN EUA PENSKE CHEVROLET 1:01.723 +0.659
5 26 TAKUMA SATO JAP ANDRETTI HONDA 1:01.985 +0.921
6 10 TONY KANAAN BRA GANASSI HONDA 1:02.082 +1.018
7 8 MAX CHILTON ING GANASSI HONDA 1:01.352 +0.288
8 98 ALEXANDER ROSSI EUA ANDRETTI HONDA 1:01.520 +0.456
9 83 CHARLIE KIMBALL EUA GANASSI HONDA 1:01.607 +0.543
10 15 GRAHAM RAHAL EUA RLL HONDA 1:01.618 +0.554
11 14 CARLOS MUÑOZ COL FOYT CHEVROLET 1:01.740 +0.676
12 28 RYAN HUNTER-REAY EUA ANDRETTI HONDA 1:03.159 +2.095
13 20 SPENCER PIGOT EUA CARPENTER CHEVROLET 1:01.590 +0.526
14 1 SIMON PAGENAUD FRA PENSKE CHEVROLET 1:01.613 +0.549
15 27 MARCO ANDRETTI EUA ANDRETTI HONDA 1:01.607 +0.543
16 3 HELIO CASTRONEVES BRA PENSKE CHEVROLET 1:01.716 +0.652
17 7 MIKHAIL ALESHIN RUS SCHMIDT PETERSON HONDA 1:01.767 +0.703
18 19 ED JONES ING DALE COYNE HONDA 1:01.760 +0.696
19 21 JR HILDEBRAND EUA CARPENTER CHEVROLET 1:01.847 +0.783
20 4 CONOR DALY EUA FOYT CHEVROLET 1:02.203 +1.139
21 18 SÉBASTIEN BOURDAIS FRA DALE COYNE HONDA    

PADDOCK GP #68 ANALISA SEGUNDA SEMANA DE TESTES DA F1 EM BARCELONA



Últimas Notícias
terça-feira, 25 de julho de 2017
F1
Copa Grande Prêmio
F-E
F1
F1
F1
Warm Up
F1
segunda-feira, 24 de julho de 2017
Indy
F-E
Superbike
F-E
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook