Indy
11/03/2017 18:11

Power acaba com domínio da Honda e garante pole para GP de São Petersburgo. Kanaan larga em 6º

A Honda teve uma classificação quase perfeita em São Petersburgo. A festa dos japoneses foi estragada pela genialidade de Will Power que tirou uma carta da manga e garantiu a pole para a Penske e para a Chevrolet. Tony Kanaan sai em sexto e Helio Castroneves larga em 16º
Warm Up
GABRIEL CURTY, de São Paulo
 

Tudo levava a crer que a Honda sairia com uma vitória esmagadora na classificação deste sábado (11) em São Petersburgo, mas Will Power surgiu e garantiu a pole para Penske e Chevrolet com um grande giro em 1min01s064.

A segunda posição ficou com Scott Dixon, que dominava a classificação e os treinos livres com a Ganassi. James Hinchcliffe, outro que vem andando bem durante o fim de semana todo, sai em terceiro.

O segundo responsável por salvar a Chevrolet nesta tarde foi Josef Newgarden, que assegurou o quarto posto no grid. Takuma Sato surpreendeu e ficou em quinto, com Tony Kanaan largando em sexto.

Max Chilton fez um ótimo trabalho e vai largar em sétimo. Alexander Rossi parte em oitavo, seguido por Charlie Kimball e Graham Rahal, que fecham um top-10 com oito carros da Honda. Carlos Muñoz, terceiro melhor da Chevrolet, é 11º.

O campeão Simon Pagenaud ficou pelo caminho logo na primeira fase e vai largar em 14º. Helio Castroneves, que reclamou dos freios, ficou na mesma do companheiro de equipe francês e sai em 16º.
Will Power fez a pole em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Confira como foi a classificação para o GP de São Petersburgo:

A classificação para o GP de São Petersburgo começou quando os relógios marcavam 17h07 (em Brasília). O primeiro grupo tinha James Hinchcliffe, Max Chilton, Marco Andretti, Ryan Hunter-Reay, Will Power, Charlie Kimball, Carlos Muñoz, JR Hildebrand, Spencer Pigot e Mikhail Aleshin.

Hildebrand, que começou já com os pneus vermelhos, foi o mais rápido no primeiro giro, tendo sido o único a baixar da casa de 1min03s. Os tempos melhoraram bastante na segunda volta, com Power liderando em 1min01s7, seguido por Chilton Pigot e Aleshin.

Power conseguiu melhorar ainda mais na sequência, virando 1min01s5, ainda com Chilton e Pigot como os outros únicos abaixo de 1min02s. Enquanto isso, Muñoz, sexto colocado, era punido por correr nos boxes.

Todo mundo foi para os boxes e colocou um novo jogo de pneus macios. Chilton e Power, mais uma vez, foram para o topo, com o australiano achando um giro em 1min01s0. 

No giro final, ninguém conseguiu tirar Power da ponta, mas Kimball se colocou em segundo, seguido por Hinchcliffe, Chilton, Muñoz e Hunter-Reay. Pigot, Andretti, Aleshin e Hildebrand acabaram eliminados.
Charlie Kimball foi segundo no grupo 1 em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Bourdais bate, Honda sobra e Pagenaud cai

O segundo grupo foi para a pista às 17h21. Nele estavam Scott Dixon, Alexander Rossi, Sébastien Bourdais, Josef Newgarden, Tony Kanaan, Simon Pagenaud, Graham Rahal, Helio Castroneves, Takuma Sato, Ed Jones e Conor Daly.

Ainda na primeira volta de cada piloto, Bourdais acabou com toda empolgação criada nos treinos livres e foi parar no muro na curva 13.

A bandeira verde veio com quatro minutos e todos saíram em busca de suas voltas rápidas para passarem de fase. Newgarden, sem querer saber de brincadeira, fez 1min01s1.

Sobrava, então, o último giro. Dixon tirou um coelho da cartola e cravou 1min00s960. Newgarden se manteve em segundo, seguido por Sato, Kanaan, Rossi e Rahal. O campeão Pagenaud caiu, bem como Castroneves, Jones, Daly e Bourdais, que terminou sem tempo.
Simon Pagenaud caiu na primeira fase da classificação em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Honda coloca quatro no Fast Six e supera marca de 2016

A segunda fase da classificação começou às 17h42 com nove Honda e os sobreviventes da Chevrolet Muñoz, Newgarden e Power. 11 pilotos iniciaram os trabalhos com pneus duros, enquanto Chilton, de macios virava mais rápido.

Os macios entraram na pista e Kimball virou líder com 1min01s6, com Rossi, Newgarden, Power, Dixon e Chilton na sequência. No giro final, como costuma acontecer, várias posições mudaram, com os tempos despencando.

Dixon voltou a tirar coelho da cartola e achou um giro em 1min00s9. Hinchcliffe se meteu em segundo, seguido por Newgarden, Sato, Power e Kanaan. Chilton, Rossi, Kimball, Rahal, Muñoz e Hunter-Reay ficaram pelo caminho.

Desta forma, a Honda colocou quatro carros no Fast Six, algo que não conseguiu durante toda a temporada 2016.
Josef Newgarden andou muito bem na classificação em São Petersburgo (Foto: Indycar)
Power estraga festa da Honda e é pole

O Fast teve início às 18h02, mas a movimentação na pista só aconteceu nos minutos derradeiros, já depois que a atividade tinha chegado à metade.

Power não quis saber de brincadeira e virou 1min01s064, tempo que foi quase 0s2 melhor que o do segundo colocado Dixon, líder de praticamente tudo até então no fim de semana.

James Hinchcliffe manteve o ótimo momento e fez a terceira marca, seguido por um inspirado Newgarden, um surpreendente Sato e por Kanaan.

Indy, GP de São Petersburgo, Grid de Largada:

1 12 WILL POWER AUS PENSKE CHEVROLET 1:01.064  
2 9 SCOTT DIXON NZL GANASSI HONDA 1:01.222 +0.158
3 5 JAMES HINCHCLIFFE CAN SCHMIDT PETERSON HONDA 1:01.304 +0.240
4 2 JOSEF NEWGARDEN EUA PENSKE CHEVROLET 1:01.723 +0.659
5 26 TAKUMA SATO JAP ANDRETTI HONDA 1:01.985 +0.921
6 10 TONY KANAAN BRA GANASSI HONDA 1:02.082 +1.018
7 8 MAX CHILTON ING GANASSI HONDA 1:01.352 +0.288
8 98 ALEXANDER ROSSI EUA ANDRETTI HONDA 1:01.520 +0.456
9 83 CHARLIE KIMBALL EUA GANASSI HONDA 1:01.607 +0.543
10 15 GRAHAM RAHAL EUA RLL HONDA 1:01.618 +0.554
11 14 CARLOS MUÑOZ COL FOYT CHEVROLET 1:01.740 +0.676
12 28 RYAN HUNTER-REAY EUA ANDRETTI HONDA 1:03.159 +2.095
13 20 SPENCER PIGOT EUA CARPENTER CHEVROLET 1:01.590 +0.526
14 1 SIMON PAGENAUD FRA PENSKE CHEVROLET 1:01.613 +0.549
15 27 MARCO ANDRETTI EUA ANDRETTI HONDA 1:01.607 +0.543
16 3 HELIO CASTRONEVES BRA PENSKE CHEVROLET 1:01.716 +0.652
17 7 MIKHAIL ALESHIN RUS SCHMIDT PETERSON HONDA 1:01.767 +0.703
18 19 ED JONES ING DALE COYNE HONDA 1:01.760 +0.696
19 21 JR HILDEBRAND EUA CARPENTER CHEVROLET 1:01.847 +0.783
20 4 CONOR DALY EUA FOYT CHEVROLET 1:02.203 +1.139
21 18 SÉBASTIEN BOURDAIS FRA DALE COYNE HONDA    

PADDOCK GP #68 ANALISA SEGUNDA SEMANA DE TESTES DA F1 EM BARCELONA


Últimas Notícias
sábado, 22 de abril de 2017
Indy
MotoGP
MotoGP
Indy
MotoGP
MotoGP
Brasileiro de Marcas
Indy
MotoGP
Stock Car
MotoGP
Indy
MotoGP
MotoGP
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook