Lançamentos F1
01/02/2013 19:07

Enaltecendo amor pela Ferrari, Montezemolo elogia apresentação do F138: “Atmosfera especial”

O dirigente máximo da equipe elogiou muito o novo carro e afirmou que a obsessão pelo detalhe vai fazer a dupla de pilotos andar rápido na primeira corrida do ano
Warm Up
Redação GP, de São Paulo

A Ferrari lançou, nesta sexta-feira (1), o F138, carro que Fernando Alonso e Felipe Massa vão ter para disputar a nova temporada da F1. Presente na apresentação do novo bólido, Luca di Montezemolo elogiou o clima e tudo que envolveu o evento que mostrou o modelo ao mundo.

“Eu gostei desta apresentação. Eu senti uma atmosfera especial desde o início da manhã, quando saí da minha casa, em Bolonha. Não via neblina aqui há muito tempo e me lembrei da apresentação de 1997, ano em que a Ferrari começou seu ciclo vencedor”, disse Montezemolo logo após a apresentação da equipe.

Montezemolo gostou do viu na apresentação do novo carro da Ferrari (Foto: Ferrari)

“Fora minha família, a Ferrari é a coisa mais importante da minha vida. Eu vou até a fábrica e, mesmo depois desses anos todos, fico de bom humor e continuo recebendo novos estímulos e ideias. Hoje a apresentação passou um bom espírito e paixão, e estou satisfeito com isso”, continuou.

Ao definir o novo carro, o dirigente afirmou que “esperança” era a palavra certa e exaltou as mudanças internas feitas na equipe. “Ontem, eu vi e defini como ‘esperança’, porque notei muita atenção aos detalhes, especialmente em áreas chave da aerodinâmica. Por que espero ver esse carro competitivo na primeira corrida? A resposta é tripla”, explicou.

“Primeiro, por causa da obsessão detalhada do que aconteceu na última temporada; segundo, as mudanças na organização e na metodologia; terceiro, a concentração do trabalho em apenas um túnel de vento, o que será importante nesta temporada. Testes na pista estão proibidos, que é algo que gostaria que fosse reintroduzido, então nos concentramos mais nos simuladores. Trazer um piloto experiente como De la Rosa faz parte desta estratégia de atenção ao detalhe”, completou.

Falando da mudança de motores para 2014, Montezemolo mostrou-se contra, mas, já que o fato está consumado, ele espera ver a Ferrari com o motor V6 mais forte do mundo. “O motor V6 não faz parte da tradição da Ferrari e, ao colocar o nome de F138 no carro, nos homenageamos o motor de oito cilindros e o fato de que vamos usá-los pela última vez”, falou Luca.

“Eu continuo mantendo [minha opinião], por razões econômicas, de som e de força, de que seria melhor ficar com os oito cilindros. Mas a decisão está tomada e teremos os V6 e, no próximo ano, haverão modificações que são melhores para o interesse da F1. Tenho prazer de ver o trabalho neste motor e tenho certeza de que a Ferrari é capaz de fazer o V6 mais forte no mundo”, finalizou.

Últimas Notícias
quarta-feira, 26 de abril de 2017
Indy
Indy
F1
F1
F1
F1
F1
Indy
MotoGP
MotoGP
terça-feira, 25 de abril de 2017
Outras
Indy
F-E
F1
Indy
Galerias de Imagens
Facebook