Mercedes-Benz Challenge
14/07/2016 08:45

Prévia: Mercedes-Benz Challenge volta a Cascavel para etapa sem favoritos

Em três corridas já disputadas em 2016, o Mercedes-Benz Challenge já premiou três vencedores na CLA AMG Cup: Arnaldo Diniz Filho, Fernando Fortes e Adriano Rabelo. Na C 250 Cup, Marcos Paioli e Peter Gottschalk nadam de braçada. Mas Cascavel será um novo desafio para todos, uma vez que a categoria vai correr lá pela primeira vez desde 2012
Warm Up
FERNANDO SILVA, de Sumaré

Depois de quatro anos, o Mercedes-Benz Challenge volta a Cascavel para a quarta etapa da temporada 2016, marcando o fim da primeira metade do campeonato. O retorno acontecerá neste fim de semana (15 a 17 de julho) e também vai marcar a primeira vez da classe CLA AMG Cup no veloz traçado do Autódromo Zilmar Beux. Na única vez da categoria no circuito, todos os carros ainda eram o C 250 Turbo, de modo que, para muitos dos gentlemen-drivers, a jornada dos próximos dias será marcada por grandes novidades.
 
Inaugurada em 1970 por um grupo de amantes da velocidade liderado por Zilmar Beux, gaúcho radicado no oeste paranaense, o autódromo de Cascavel nasceu como um circuito de terra. Mas os administradores foram responsáveis pela primeira reforma da pista e seu respectivo asfaltamento. Assim, Cascavel logo se tornou um grande polo do esporte a motor por ser o primeiro autódromo permanente do Brasil fora dos grandes centros.
 
Uma das características do circuito é sua velocidade. A pista tem predominância de curvas à esquerda e de média-alta, com apenas uma feita à direita. Entre as curvas, há pequenas retas que conferem ao circuito cascavelense o fato de ser um dos mais rápidos de todo o Brasil. A famosa curva do Bacião empolga não só pilotos, mas também os torcedores que acompanham a prova direto do autódromo e também pela TV.
Adriano Rabelo chega a Cascavel embalado pela vitória em Tarumã (Foto: Fabio Davini)
O fato é que a etapa de Cascavel, até considerando todo o contexto do campeonato, indica que não há favoritos destacados à vitória. Ao menos na classe principal, a CLA AMG Cup. Até o momento, foram disputadas três corridas, e três foram os vencedores: Arnaldo Diniz Filho em Curitiba, Fernando Fortes em Goiânia e Adriano Rabelo no circuito gaúcho de Tarumã. 
 
Na C 250, a vitoriosa dupla formada por Marcos Paioli e Peter Gottschalk venceu em Goiânia e Tarumã, com Claudio Simão levando o triunfo em Curitiba, na primeira etapa do campeonato. Mesmo com um domínio do carro #111 neste princípio de temporada, a classe vem indicando que outros competidores, como Peter ‘Tubarão’ Gottschalk e o próprio Simão não podem ser descartados.
 
Alguns dos pilotos do grid têm experiência de sobra em Cascavel, mesmo no Mercedes-Benz Challenge. Neto de Nigris, hoje na CLA AMG Cup, venceu uma das duas provas disputadas lá em 2012. Fernando Junior, atual campeão, mas que não corre neste ano, faturou a outra corrida. Arnaldo Diniz foi ao pódio duas vezes.
Arnaldo Diniz Filho foi duas vezes ao pódio em 2012 no circuito de Cascavel (Foto: Duda Bairros)
Diniz foi um dos pilotos que melhor se adaptou à condução do CLA 45 AMG, mas nem isso o coloca como um dos favoritos à vitória no próximo domingo em Cascavel. Vale lembrar que Adriano Rabelo praticamente não tinha experiência em Tarumã, há três semanas, mas colocou todo mundo ‘no bolso’ e venceu, ainda que sendo beneficiado por uma bandeira vermelha no fim da corrida, fruto da fortíssima batida de Arthur Bragantini.
 
 
Luta pelo título cada vez mais apertada
 
Após três etapas, fica claro que alguns pilotos já despontam como postulantes ao título, embora ainda não seja possível indicar um grande favorito, nem mesmo na C 250 Cup. Na CLA AMG Cup, Diniz lidera com 42 pontos somados, apenas três a menos que Fernando Fortes, enquanto Betão Fonseca tem 32. O experiente Claudio Dahruj vem com 29, empatado com o não menos experiente Roger Sandoval, enquanto Adriano Rabelo, vencedor em Tarumã, aparece com 25.
 
Já na C 250 Cup, Paioli e Gottschalk comandam a tabela de pontos e somam 55, sete a mais que Claudio Simão, que vem fazendo uma temporada marcada pela regularidade. Peter Michel Gottschalk, atual campeão da classe, vem com 41, um pouco mais distante, mas considerando a performance nas últimas corridas, tem tudo para deixar o azar para trás e se reafirmar como candidato ao título.
O C 250 Turbo #111 de Paioli e Gottschalk já somou duas vitórias em 2016 (Foto: Fabio Davini)
 
Programação do fim de semana
 
As atividades de pista do Mercedes-Benz Challenge em Cascavel serão divididas em três dias. Começando na próxima sexta-feira (15), com a disputa do primeiro treino livre do fim de semana, com uma hora para os pilotos da CLA AMG Cup e outra para os competidores da C 250 Cup, com início previsto para 14h40 (horário de Brasília).
 
No sábado, os pilotos voltam à pista, desta vez todo mundo junto para formar um grupo com os carros das duas categorias simultaneamente para mais uma hora de sessão, marcada para 10h50. A definição do grid de largada acontece no fim da tarde e segue o formato do campeonato: entre 16h05 e 16h25, acontece a classificação para a CLA AMG Cup, enquanto os pilotos da C 250 Cup também terão 20 minutos a começar das 16h35.
Fernando Fortes luta pelo título da CLA AMG Cup e ocupa a vice-liderança (Foto: Fabio Davini)
A largada da quarta etapa da temporada 2016 do Mercedes-Benz Challenge está marcada para 11h de domingo e terá transmissão pelo canal por assinatura BandSports.
 
 
Previsão do tempo
 
Segundo indica o site ‘Climatempo’, há previsão de variação climática para o próximo fim de semana em Cascavel. A sexta-feira abre com tempo até bom, temperatura entre 17 e 21ºC e perspectiva de chuva durante o dia e também à noite. 
 
Já para sábado, não há indicativo de chance de chuva, mas a temperatura deve cair bem: os termômetros devem variar entre 12 e 18ºC com a expectativa de sol com muitas nuvens durante o dia, intercalando com períodos de céu nublado. 
 
No domingo, o frio deve chegar de vez. A meteorologia indica que a temperatura ambiente pode despencar, alcançando uma mínima de 4ºC e tendo como máxima os 18ºC. O dia deve amanhecer com nevoeiro e seguir com sol entre nuvens nas horas seguintes. Existe uma breve chance de pancadas de chuva durante o horário da corrida, no fim da manhã.
PADDOCK GP #37 ABORDA FIM DE SEMANA INTENSO NO ESPORTE A MOTOR



Últimas Notícias
sexta-feira, 23 de junho de 2017
F1
F1
F1
Indy
F1
Endurance
F1
F1
MotoGP
F2
MotoGP
MotoGP
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook