Mitsubishi
04/09/2016 18:04

Mitsubishi Motorsports acompanha largada do Rali dos Sertões em etapa de muita poeira em Goiânia

O principal rali de regularidade do Brasil voltou a Goiânia no último fim de semana. O clima predominante do cerrado brasileiro deu o tom para uma prova marcada por muita poeira, terra, 4x4 e diversão entre os competidores que, de quebra, puderam acompanhar a largada do Rali dos Sertões
Warm Up
Redação GP, de Sumaré
A nona etapa da temporada 2016 do Mitsubishi Motorsports, o principal rali de regularidade do Brasil, foi realizada em Goiânia no último sábado (3). Foi um dia de muito sol e clima seco na capital de Goiás, como é típico da região do cerrado, proporcionando aos pilotos e navegadores trechos de muita poeira e terra em um novo desafio para a Nação 4x4. A largada aconteceu no Autódromo Internacional Ayrton Senna, que também foi o palco do prólogo do Rali dos Sertões, a principal prova do rali cross-country do país.
 
A organização da prova disponibilizou trilhas distintas para as categorias em disputa em Goiânia. As classes Graduados e Turismo percorreram 237 km, enquanto a Turismo Light, destinada aos competidores que estão iniciando no rali de regularidade, compreendeu um roteiro de 152 km. Além dos desafios típicos da competição em si, o Mitsubishi Motorsports reservou mais um fim de semana de muita ação.
 
“Viemos de Brasília para ter a experiência de participar de um rali pela primeira vez. São muitos desafios e diversão. Faço parte do Triton 4x4 Club, e o pessoal sempre comenta. Isso nos motivou para virmos”, disse Frederico de Oliveira Ribeiro, que compete ao lado do compadre e navegador, Henrique Silva Moura. “Ele falou e eu topei na hora. Muito bom acompanhar junto”, comentou.
Terra, poeira e muito 4x4: assim foi a etapa deste fim de semana em Goiânia (Foto: Ricardo Leizer)
Renato Tadeu Leal e Lucas de Oliveira Marques competiram em casa. Residente em Goiânia, a dupla disputou uma etapa do Mitsubishi Motorsports pela quarta vez, mas nesta oportunidade tiveram a chance de participar da prova com o ASX 4x4. “É um evento bacana, em que podemos conhecer uma região que não passamos normalmente e num ambiente que não estamos acostumados. Além de ser bem organizado. Para nós, é uma satisfação”, afirmou Renato. Lucas, por sua vez, comemorou por ter a chance de acompanhar o Rali dos Sertões.
 
“É uma oportunidade única, estar nesse meio, com toda a estrutura, imaginando como deve ser o Rali dos Sertões. Dá até para se sentir um competidor”, declarou.
 
Mas para Nathalia Gregório, que é navegadora da mãe, Débora Gregório, vale muito mais a competição em si do que propriamente a diversão. “Minha motivação é o pódio. Já ganhamos duas vezes na dupla feminina e queremos mais um título”, afirmou Nathalia, que ajudou a dupla a vencer de novo entre as mulheres correndo com uma L200 Triton. “Isso aqui é excelente, maravilhoso, tudo é perfeito, um sábado muito gostoso. A prova é preparada com tanto cuidado. É um dia maravilhoso, bastante esperado”, comemorou a pilota.
 
A vitória na classe Graduados ficou, mais uma vez, para Otávio e Allan Enz. A dupla formada por pai e filho comemorou a conquista, que serviu também como ânimo extra para a disputa do Rali dos Sertões, já que os dois estarão na prova de regularidade da competição.
O Mitsubishi Motorsports esteve no último fim de semana em Goiânia (Foto: Cadu Rolim/Fotovelocidade)
“Hoje foi super emocionante. Vínhamos com dois resultados que não tínhamos gostado. Vir a Goiânia e vencer na largada do Rali dos Sertões é muito bom”, declarou Otávio. “Essa vontade vem desde que entramos pela primeira vez no carro e nos apaixonamos. Se tivesse prova no outro fim de semana, a gente ia também. É nossa segunda vitória seguida em Goiânia. No ano passado, assumimos a liderança aqui. Quem sabe conseguimos engrenar no campeonato a partir dessa prova”, comentou Allan.
 
De Goiânia, Dina Borges de Alencastro e Guilherme Siqueira venceram na classe Turismo. “Foi muita raça, coragem, e o navegador foi fundamental para essa vitória. Sem ele, não teríamos chegado ao pódio”, destacou Dina. “A prova foi ótima, super gostosa, foi disputada, não foi chata, cheia de pegadinhas. Foi perfeita”, complementou Guilherme.
 
Fernando e Giovana Setti, casal que compete na Turismo Light, venceu neste fim de semana a disputa dos competidores com menos experiência no Mitsubishi Motorsports. “Foi uma emoção muito grande, só temos a agradecer, é muita alegria”, comemorou o piloto, endossado pela parceira. “Achei a prova excelente, bastante técnica, com um percurso muito bem elaborado e uma estrutura fenomenal”.
 
A próxima etapa do Mitsubishi Motorsports Nordeste acontecerá em duas semanas, no dia 17 de setembro, na paradisíaca Fortaleza. Já o Mitsubishi Motorsports Sudeste volta a ser disputado em Ribeirão Preto, em 8 de outubro.
 
Além de toda a competição nas trilhas do Brasil, a Mitsubishi também promoveu mais um fim de semana de ação social. O Pró Brasil arrecadou 2,5 toneladas de alimentos, que foram destinados à OVG, a Organização das Voluntárias de Goiás.
PADDOCK GP #44 DEBATE VITÓRIAS DE ROSBERG EM SPA E DE RAHAL NO TEXAS


Últimas Notícias
segunda-feira, 27 de março de 2017
Endurance
F1
MotoGP
F-E
MotoGP
Nascar
MotoGP
F1
F1
MotoGP
MotoGP
F1
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook