Motociclismo
01/08/2016 11:54

Com Pol Espargaró, Nakasuga e Alex Lowes no comando da R1, Yamaha vence 8 Horas de Suzuka pelo segundo ano seguido

A Yamaha viveu um domingo (31) de glória no Japão ao conquistar pelo segundo ano consecutivo a lendária 8 Horas de Suzuka. Guiada por Pol Espargaró, Alex Lowes e Katsuyuki Nakasuga, a YZF-R1 completou 218 voltas com 2min17s883 de vantagem para Akira Yanagawa/Leon Haslam/Kazuki Watanabe. Takuya Tsuda/Joshua Brookes/Noriuki Haga ficou com o terceiro posto. Equipe da Honda que contava com Nicky Hayden, Michael Van der Mark e Takumi Takahashi teve de abandonar por conta de um problema com a CBR
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Pelo segundo ano consecutivo, a Yamaha conquistou aquela que é considerada a prova mais importante do calendário das fábricas japonesas. Com Pol Espargaró, Katsuyuki Nakasuga e Alex Lowes, a casa de Iwata dominou a tradicional 8 Horas de Suzuka e não deu chances à concorrência.
 
Em 2015, Nakasuga e Espargaró já tinham levado a YZF-R1 ao topo do pódio de Suzuka — junto com Bradley Smith —, encerrando um jejum da Yamaha que vinha desde 1996.
O pódio da edição 2016 das 8 Horas de Suzuka (Foto: Divulgação/EWC)
Partindo da pole, o trio #21 teve o caminho ao topo do pódio encurtado pelo abandono do trio formado por Takumi Takahashi, Michael van der Mark e Nicky Hayden. A MuSashi Honda teve um problema técnico antes do fim da terceira hora.
 

No momento em que o trio #634 abandonou, a Yamaha já tinha 50s de vantagem, margem que subiu para 1min22s quando Pol entregou a R1 nas mãos de Nakasuga para um segundo stint. 
 
Piloto de testes da Yamaha na MotoGP e dono de um pódio na classe rainha do Mundial de Motovelocidade correndo como wild-card, o campeão japonês também cumpriu bem sua parte, com Lowes tratando de abrir vantagem antes de devolver a R1 para o comando de Espargaró. 
 
Com ritmo mais forte que os rivais, a Yamaha não deu chances para ninguém e deu volta na maioria dos rivais. Ao fim das oito horas de disputa, Alex recebeu a bandeirada com 2min17s883 de vantagem para a equipe oficial da Kawasaki, formada por Akira Yanagawa, Leon Haslam e Kazuki Watanabe. Depois de uma longa briga, Takuya Tsuda, Josh Brookes e Noriyuki Haga completaram o top-3.
Alex Lowes teve a honra de receber a bandeirada (Foto: Yamaha)
Além de marcar o segundo triunfo de Espargaró na mais importante prova do calendário de Endurance da FIM (Federação Internacional de Motociclismo), a disputa de domingo também foi a despedida de Pol de Suzuka ao menos em um futuro próximo, já que o irmão de Aleix vai defender a KTM na MotoGP a partir do próximo ano.
 
A Honda, por sua vez, voltou a amargar a derrota em Suzuka. Depois de vencer cinco anos consecutivos — e 27 das 38 edições da corrida —, a marca da asa dourada voltou a viver um domingo de derrota como o de 2015.
 
Com o abandono nas mãos de Hayden, que fazia apenas seus primeiro stint na disputa, a MuSashi viveu seu segundo problema técnico consecutivo, já que em 2015 viu Casey Stoner sofrer uma forte queda por conta de uma falha na CBR.
 
Com Hayden, Van der Mark e Takahashi fora da disputa, o Team Green e a Yoshimura travaram um bom duelo pelo segundo posto, com destaque para a disputa entre Haslam e Haga no início da quinta hora.
 
Ex-piloto do Mundial de Superbike, Haslam levou a melhor na briga e acabou abrindo vantagem para garantir o segundo posto da Kawasaki. Na hora final, Brookes ainda tentou apertar o passo, mas acabou mesmo em terceiro. 
 
Mundial de Endurance, 8 Horas de Suzuka, Final:
 
1 21 KATSUYUKI NAKASUGA
POL ESPARGARÓ
ALEX LOWES
JAP
ESP
ING
YAMAHA
YZF-R1
8:00:40.124 218 voltas
2 87 AKIRA YANAGAWA
LEON HASLAM
KAZUKI WATANABE
JAP
ING
JAP
TEAM GREEN
KAWASAKI ZX-10R
+2:17.883  
3 12 TAKUYA TSUDA
JOSHUA BROOKES
NORIYUKI HAGA
JAP
ING
JAP
YOSHIMURA SUZUKI
GSX-R1000
+1 volta  
4 7 BROC PARKES
KOHTA NOZANE
TAKUYA FUJITA
AUS
JAP
JAP
YART YAMAHA
YZF-R1
+4 voltas  
5 32 JOSHUA WATERS
NOBUATSU AOKI
YOSHIHIRO KONNO
AUS
JAP
JAP
MOTO MAP
SUZUKI GSX-R1000
+4 voltas  
6 17 YUKIO KAGAYAMA
NAOMICHI URAMOTO
RYUICHI KIYONARI
JAP
JAP
JAP
TEAM KAGAYAMA
SUZUKI GSX-R1000
+5 voltas  
7 01 OSAMU DEGUCHI
HITOYASU IZUTSU
ERWAN NIGON
JAP
JAP
FRA
EVA RT
KAWASAKI ZX-10R
+5 voltas  
8 22 ZAQHWAN ZAIDI
DIMAS EKKY PRATAMA
MAS
INA
TEAM ASIA
HONDA CBR1000RR
+6 voltas  
9 18 TAKAHIRO NAKATSUHARA
RYUTA KOBAYASHI
TARO SEKIGUCHI
JAP
JAP
JAP
MISTRESA
HONDA CBR1000RR
+6 voltas  
10 090 DAMIAN CUDLIN
HIKARI OHKUBO
KOSUKE AKIYOSHI
AUS
JAP
JAP
TELURU KOHARA
HONDA CBR1000RR
+6 voltas  
11 104 GINO REA
TATSUYA YAMAGUCHI
RATTHAPARK WILAIROT
ING
JAP
TAI
TOHO
HONDA CBR1000RR
+7 voltas  
12 2 AARON MORRIS
SEBASTIEN SUCHET
AUS
SUI
R2CL
SUZUKI GSX-R1000
+8 voltas  
13 111 JULIEN DA COSTA
SEBASTIEN GIMBERT
FREDDY FORAY
FRA
FRA
FRA
HONDA ENDURANCE
CBR1000RR
+8 voltas  
14 94 DAVID CHECA
NICCOLÒ CANEPA
LUCAS MAHIAS
ESP
ITA
FRA
GMT94-YAMAHA
YZF-R1
+8 voltas  
15 8 HORST SAIGER
MICHAEL SAVARY
GIANLUCA VIZZIELLO
AUT
SUI
ITA
TEAM BOLLIGER
KAWASAKI ZX-10R
+9 voltas  

PADDOCK GP #39 DEBATE F1 E MOTOGP COM CONVIDADO ALEX BARROS


Últimas Notícias
sábado, 25 de fevereiro de 2017
F1
Superbike
F1
F1
F1
sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017
F-Truck
F1
F1
F1
Nascar
F1
F1
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook