MotoGP
12/08/2017 04:42

Bastianini aparece com cronômetro zerado, bate Mir por 0s02 e lidera terceiro treino da Moto3 na Áustria

Enea Bastianini bateu Joan Mir por 0s021 com cronômetro zerado e liderou a terceira sessão de treinos livres da Moto3 no Red Bull Ring. Philipp Oettl completa o top-3
Warm Up
JULIANA TESSER, de São Paulo

Enea Bastianini apertou o passo na última de suas 18 voltas na manhã deste sábado (12) e ficou com a liderança da terceira sessão de treinos livres da Moto3 no Red Bull Ring.
 
Líder do primeiro dia de trabalho na Áustria, Joan Mir dominou a sessão quase que de ponta a ponta, exceto por uns breves minutos de comando de Philipp Oettl. No instante final, porém, Bastianini apareceu com um giro de 1min36s829 e assegurou a liderança por 0s021 de margem.
Enea Bastianini foi o mais rápido no TL3 (Foto: Estrella Galicia 0,0)
Oettl, então, ficou com a terceira posição, apenas 0s002 à frente de Gabriel Rodrigo, o quarto colocado. Bo Bendsneyder fez o quinto tempo, seguido por Adam Norrodin e Romano Fenati.
 
Depois de um início de sessão bem apagado, Nicolò Bulega melhorou na parte final e ficou com a sétima marca, seguido por Kaito Toba. Andrea Migno também apertou o passo e completa o top-10.
 
Saiba como foi o terceiro treino da Moto3 no Red Bull Ring:
 

Depois de um primeiro dia bem nublado em Spielberg, o sábado amanheceu com um clima mais estável. Com um céu parcialmente nublada, a temperatura subiu para 18°C, com a pista chegando a 22°C. A velocidade do vento era de 3 km/h.
 
Dispostos a aproveitar todo tempo de pista seca disponível, os pilotos não tardaram a sair nesta manhã e foi Joan Mir quem assumiu o topo da tabela logo de cara. O líder do Mundial comandou os trabalhos de sexta-feira.
 
No giro seguinte, Mir baixou ainda mais, já atingindo a melhor volta do fim de semana: 1min37s457. 0s300 mais lento, Oettl tinha a segunda marca, seguido por Bendsneyder.
 
Volta após volta, Mir foi baixando seu tempo e mantendo a liderança. Após seis giros, o #36 tinha 1min37s055 como melhor marca, 0s407 à frente de Bastianini. Bendsneyder vinha em terceiro, seguido por Norrodin e Oettl.
 
Com o primeiro terço da sessão completado, os pilotos foram aos boxes pela primeira vez. Mir ainda tinha a liderança, com Oettl, Loi, Bendsneyder, Bastianini, Sasaki, Antonelli, Norrodin, McPhee e Toba formando o top-10.
 
Na garagem da VR46, as coisas não iam muito bem. Bulega tinha apenas o 20º tempo, enquanto Migno ocupava só o 27º posto.
 
De volta à pista, Livio Loi avançou para o terceiro posto, 0s332 mais lento que o líder. Mais atrás, Sasaki pulou para sexto, à frente de Fenati e Antonelli.
 
Em seu décimo giro, Bulega cravou 1min37s558 e subiu para a sétima colocação, 0s503 mais lento que o ponteiro.
 
Jorge Martín, que ficou de fora da segunda sessão para poupar o corpo ainda sob efeito de uma lesão sofrida na primeira metade da temporada, também apertou o passo e se instalou na quinta posição.
 
A fase intermediária da sessão não viu melhoras no tempo de Mir, mas o espanhol teve alguns giros cancelados por exceder os limites da pista.
 
Com menos de dez minutos para o fim, Nakarin Atiratphuvapat teve uma queda na curva quatro, mas não se lesionou.
 
Enquanto isso, Oettl baixou para 1min36s904 e tirou Mir da liderança pela primeira vez, abrindo 0s096 de margem para o #36. Bendsneyder era o terceiro, seguido por Canet e Loi.
 
Mir não tardou em reagir e, com 1min36s850, retomou a ponta, abrindo 0s054 de margem para Oettl. Bendsneyder tinha o terceiro tempo, seguido por Antonelli e Ramírez.
 
Com a bandeira quadriculada tremulando no Red Bull Ring, Bastianini cravou 1min36s829 e tomou a liderança de Mir por 0s021.
 


SE A RENAULT NÃO COLOCAR KUBICA DE VOLTA NA F1, ALGUÉM VAI COLOCAR


Últimas Notícias
sábado, 12 de agosto de 2017
MotoGP
sexta-feira, 11 de agosto de 2017
Truck
Indy
MotoGP
F1
MotoGP
MotoGP
MotoGP
F1
F1
MotoGP
F1
MotoGP
MotoGP
F1
Galerias de Imagens
Facebook