Nascar
11/01/2017 13:52

Edwards confirma aposentadoria imediata e Joe Gibbs anuncia Suárez como novo piloto do carro #19

Os rumores sobre o futuro de Carl Edwards se provaram verdadeiros. A equipe Joe Gibbs confirmou a aposentadoria imediata do veterano, abrindo caminho para a estreia do mexicano Daniel Suárez na divisão principal da Nascar
Warm Up
VITOR FAZIO, de Porto Alegre

Um dia após o início dos rumores sobre a aposentadoria de Carl Edwards, o anúncio oficial. A Joe Gibbs confirmou nesta quarta-feira (11) a aposentadoria do veterano com efeito imediato, apenas seis semanas antes do início das atividades da Nascar na temporada 2017. A sorte da equipe é que havia uma solução óbvia para uma decisão tão tardia: Daniel Suárez, atual campeão da Xfinity, e que já se preparava para defender o título, foi convocado como substituto de Carl na divisão principal da Nascar.

A coletiva de imprensa começou apenas com Edwards. Sozinho, o veterano explicou a decisão através de três tópicos: a satisfação com o que foi conquistado ao longo dos anos, a vontade de se afastar de um emprego que consome muito tempo e o temor em relação aos perigos do automobilismo.

“Primeiro que estou satisfeito com o que conquistei na minha carreira. Vocês podem pensar ‘mas você não ganhou o campeonato’, mas eu realmente não corro só pelos troféus. Foi uma boa jornada para mim e fui recompensado pelos desafios. É assustador de tantas formas, e eu me sinto como o melhor piloto que eu poderia ter sido, e me sinto realizado por isso”, disse Edwards.
 
“Segundo que isso te consome o tempo todo. É em tempo integral, e não só fisicamente. Eu acordo pensando em corridas, penso nisso o dia todo, vou dormir pensando nisso e também tenho sonhos sobre corridas. E é assim que funciona. E eu quero dedicar meu tempo agora para outras coisas que eu amo”, seguiu.
Carl Edwards (Foto: Reprodução)
“Por fim, eu estou saudável e quero continuar assim. E isso é difícil, depois de todas as corridas. É uma prova da capacidade da Nascar, das pistas, dos carros. Dito isso, ainda é um esporte de risco”, completou.

Em seguida, representantes da equipe fizeram o segundo anúncio do dia. O chefão Joe Gibbs confirmou a chegada de Suárez, o primeiro mexicano a correr em tempo integral na Nascar.

“Estar nessa posição é uma coisa incrível para mim e para todos que me ajudaram a chegar aqui", disse Suárez. "Não vai ser uma tarefa fácil, tenho que trabalhar e aprender muito”, admitiu.
 
“É uma equipe incrível. Simplesmente o lugar perfeito para um novato como eu, para alguém tão ansioso por aprender e andar bem. Também quero agradecer a todos que me ajudaram a chegar neste esporte. Minha família, o Joe Gibbs e toda a família que é essa equipe por acreditar em mim, por acreditar em um cara do México que nem sabia falar inglês direito”, completou.
O carro de Daniel Suárez em 2017 (Foto: Reprodução/Twitter)
Edwards se despede sem títulos, o que pode ser visto como uma injustiça do destino. Carl saiu derrotado na disputa mais acirrada da história da Nascar – em 2011, o então piloto da Roush empatou em pontos com Tony Stewart, levando a pior nos critérios de desempate. Em 2008 o veterano já havia sido vice, sendo superado por Jimmie Johnson.
 
Mesmo sem título, Carl sai da Nascar em grande forma. O #19 disputou a final do Chase em 2016 e, apesar de passar a maior parte do tempo na frente dos adversários, se envolveu em um grande acidente, quase capotou e ficou com mãos abanando. Foi um abandono doído, mas marcante.

Últimas Notícias
terça-feira, 23 de maio de 2017
F1
MotoGP
F1
Indy
Indy
F1
F1
F2
Superbike
F1
Superbike
F1
F-E
F1
Indy
Galerias de Imagens
Facebook