Rali
21/01/2017 10:45

Envolvido no acidente do Rali de Monte Carlo, Paddon pede respeito à vítima fatal: “Apontar o dedo não muda nada”

Envolvido no acidente que terminou com um morto ainda na primeira etapa do Rali de Monte Carlo, Hayden Paddon emitiu um comunicado pedindo respeito à vítima. Piloto neozelandês lembrou que apontar o dedo não vai mudar o que aconteceu e prometeu trabalhar com a FIA e os organizadores para evitar novos acidentes. Titular da Hyundai aproveitou para alertar os espectadores sobre os riscos e pedir cuidado no acompanhamento das provas
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
 
Hayden Paddon quebrou o silêncio após se envolver em um acidente que resultou na morte de um espectador ainda no primeiro estágio do Rali de Monte Carlo. Em um comunicado emitido na noite de sexta-feira (20), o piloto da Hyundai prestou suas condolências à família e aos amigos da vítima e também pediu o fim das especulações.
 
Na noite de quinta-feira, durante a realização da primeira especial da disputa, Paddon perdeu o controle do seu Hyundai i20 WRC e capotou, batendo seu carro em uma encosta depois de atropelar um espectador. 
Hayden Paddon prometeu trabalhar com a FIA para evitar novos acidentes (Foto: Helena El Mokni/Hyundai)

Tanto o piloto quanto seu navegador, John Kennard, escaparam ilesos, mas o fotógrafo não teve a mesma sorte. Mesmo depois de ter sido removido para o hospital, o espectador não resistiu e morreu no fim da noite. Segundo a agência de notícias France Presse, a vítima, de aproximadamente 50 anos, estava na verdade perto da pista tirando fotos no lado de fora de uma curva. 
 
Paddon perdeu o controle do seu Hyundai i20 em razão do gelo, acabando por chocar a lateral do seu carro contra o espectador.
 
 
Em uma nota emitida à imprensa, Hayden sai em defesa da vítima — muitos relatos apontam seu posicionamento incorreto no local do acidente —, e pede respeito à família e aos amigos. Além disso, o piloto neozelandês promete trabalhar com a FIA (Federação Internacional de Automobilismo) e com os organizadores de provas de rali para evitar que incidentes assim voltem a acontecer.
 
Também, Paddon pediu que os fãs de rali tenham cuidado ao acompanharem as provas, sigam as orientações dos comissários e cuidem uns dos outros.
 
Confira na íntegra o comunicado de Paddon:
 
“Após uma reflexão, gostaria de emitir um pequeno comunicado sobre os eventos de ontem.
 
Primeiro, nossos pensamentos estão com a família e os amigos do espectador envolvido. Não importam as circunstâncias, isso é algo que nunca queremos ver.
 
Segundo, John e eu estamos honrados por todas as mensagens de apoio neste momento. Obviamente, meus pensamentos estão com a família e essa é a minha única preocupação no momento. Não poder voltar para casa na Nova Zelândia torna as coisas um pouco mais difíceis, mas é importante permanecermos fortes.
 
Quero aproveitar esta chance para pedir para as pessoas não especularem. Independente de como e por que o acidente aconteceu, apontar o dedo não muda nada. A coisa mais importante é aprendermos com isso, e estou comprometido a trabalhar com a FIA e com os organizadores de rali incansavelmente para garantir que isso não volte a acontecer.
 
Aproveito a chance para pedir aos espectadores de rali para, por favor, considerarem onde vocês ficam e para respeitarem as instruções dos comissários. Nós todos queremos curtir um bom show e ir para casa para nossa família depois. Também peço para que cada e todo fã de rali nos eventos, se você ver alguém em uma posição perigosa, peça para que saia para o melhor interesse de todos. Como uma comunidade, podemos trabalhar coletivamente juntos para evitar que isso aconteça novamente.
 
Por último, peço, por favor, o respeito da mídia neste momento, especialmente para a família e os amigos do espectador. Não vou emitir nenhuma outra declaração ou dar entrevistas neste momento. Nós tomamos a decisão de não continuar neste fim de semana por respeito, mas voltaremos na Suécia, onde prestaremos nosso tributo.
 
Obrigado mais uma vez pelo apoio de todos e pelo apoio do time — isso realmente significa muito.
 
Até o Rali da Suécia,
 
Hayden”
OS CAMPEÕES DO DAKAR: LEANDRO TORRES E LOURIVAL ROLDAN CONTAM TUDO SOBRE A CONQUISTA HISTÓRICA


Últimas Notícias
segunda-feira, 27 de março de 2017
F1
MotoGP
Endurance
F1
MotoGP
F-E
MotoGP
Nascar
MotoGP
F1
F1
MotoGP
MotoGP
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook