Seletiva BR
24/11/2016 14:56

Seletiva de Kart Petrobras garante para vencedores dois dias de testes na F4 Italiana e em simulador de F1

Ainda é muito cedo para dizer quem vai levar a Seletiva de Kart Petrobras, mas já dá para ver que as vantagens dos campeões são muitas. Com testes em um F4 e experiência em um simulador de F1, brasileiros vão dar os primeiros passos na Europa
Warm Up
Redação GP, de Porto Alegre

Quando a 18ª edição da Seletiva de Kart Petrobras estiver concluída, é hora de partir para a Europa. Em uma fase importante do seu programa de orientação, os três melhores classificados na decisão vão colher os frutos do triunfo: os jovens pilotos vão testar um carro de F4 Italiana, além de andar em um simulador de F1.
 
A primeira atividade na Europa será no simulador de F1, no dia 10 de dezembro. O equipamento utilizado pelos pilotos será o mesmo que os vencedores do ano passado testaram, em Modena, na Itália, na empresa do russo Anton Stipinovich. Trata-se de um engenheiro que já desenvolveu simuladores para várias escuderias da Europa, incluindo uma equipe da F1.
 
Nos dias 12 e 13, será a vez de ir para a pista. E este ano a novidade é que os pilotos terão dois dias de testes, e não apenas um. O treino acontecerá com carros de F4 da equipe DieGi Motorsport, que venceu uma das etapas deste ano do Campeonato Italiano com o brasileiro Giuliano Raucci no circuito de Mugello. 
O carro de F4 Italiana (Foto: Fábio Oliveira/Radical Motors)

O time é comandado por Matteo Di Persia, que tem mais de 20 anos de experiência no automobilismo, tendo passado por categorias como GP2 e World Series, hoje F-V8. As atividades acontecerão no circuito Tazio Nuvolari, em Pavia, muito utilizado para testes das categorias de base do automobilismo italiano.
 
“A F4 é a categoria de base mais procurada pelos jovens pilotos atualmente e vem crescendo no mundo todo”, comentou Binho Carcasci, organizador da Seletiva. “Ficamos felizes com a oportunidade de aumentar para dois dias os testes com os vencedores da Seletiva de Kart Petrobras e acredito que será uma experiência muito importante para a continuidade da carreira deles”, seguiu.
 
"Apesar do circuito de Pavia não ser tão conhecido, ele é muito utilizado pelas categorias de base na Europa e será importante para nós, pois a DieGi tem vários dados de testes passados no circuito que ajudarão muito nos comparativos e aprendizado dos pilotos", destacou Carcasci.
 
"Quanto ao simulador, será a segunda vez que iremos à Modena e a estrutura é fantástica. Todos os pilotos sempre ficam surpresos quando vivem essa experiência e também vai ser um dia inesquecível para estes três novos vencedores", completou.
 
Antes de embarcar para a Europa, os pilotos ainda terão um dia especial de treinamento físico no Brasil com o preparador Vanderlei Pereira, participarão de media training e palestra sobre marketing esportivo.
 
A final da Seletiva de Kart Petrobras 2016 terá na briga pelo título os mineiros Gabriel Paturle, Matheus Tonussi e Gustavo Zwetkoff, os gaúchos Pedro Goulart, Arthur Leist e Bruno Bertoncello, os paulistas Marcel Coletta, Victor Schoma, Luiz Filipe Matheus e Gabriel Sereia, o brasiliense Lucas Okada e o paranaense João Victor Zanetti. A decisão será nos dias 29 e 30 de novembro no kartódromo da Granja Viana, em Cotia (SP).
Últimas Notícias
quarta-feira, 24 de maio de 2017
Indy
Indy
Nascar
Indy
F1
MotoGP
Indy
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
Superbike
Galerias de Imagens
Facebook