Stock Car
19/04/2017 06:00

Com adoção de 'Fanboost', chefão da Stock Car dá primeiro passo em uma das metas principais: formar novos ídolos

Rodrigo Mathias contou ao GRANDE PRÊMIO que a categoria vai ter seu ‘Fanboost’, inspirado na F-E, ainda em 2017. Tudo depende da reformulação das principais plataformas de divulgação do certame, como site e aplicativos para dispositivos móveis. Será o primeiro grande passo para fazer com a Stock Car possa aumentar sua interação com o fã e fomentar novos ídolos para o esporte
Warm Up
FERNANDO SILVA, de Sumaré
 

A F-E revolucionou não apenas por ser a primeira categoria de carros elétricos da história do automobilismo, mas também porque conseguiu aproximar um pouco mais o esporte em si do seu ídolo, do seu público. Uma grande sacada do certame chefiado por Alejandro Agag foi a adoção do ‘Fanboost’, que consiste na cessão de 100 kw adicionais para os três pilotos mais bem votados nas redes sociais nos dias que antecedem a um eP. A medida foi um sucesso tão grande, tanto em termos esportivos como também de divulgação da categoria e dos pilotos nas redes sociais que o modelo vai ser aplicado ainda em 2017 na Stock Car.
 
O ‘Fanboost’ da Stock Car ainda não tem nome oficial definido, mas será adotado ainda neste ano, afirmou Rodrigo Mathias, o novo chefão da categoria e diretor da Vicar, em entrevista ao GRANDE PRÊMIO durante o fim de semana da etapa de abertura do campeonato, em Goiânia. A ideia da Vicar é que, a cada corrida, os três pilotos mais votados na internet, seja pelo site oficial, pelas redes sociais ou então no aplicativo para dispositivos móveis, ganhem um botão de ultrapassagem a mais a ser utilizado durante a rodada dupla.
 
A implantação da novidade ainda depende da reformulação das plataformas de divulgação da Stock Car, algo que está a caminho. Mathias garante, porém, que ainda em 2017 o público terá acesso ao elemento que visa elevar a interação do público com seu piloto preferido. E, mais do que isso, também busca incentivar a formação de novos ídolos na Stock Car.
A Stock Car vai se inspirar na F-E e adotar o seu 'Fanboost' para aumentar a interação com o público (Foto: FIA F-E)
“O Fanboost, ou o nome que nós vamos batizar aqui – algo que ainda está em estudo –, deve entrar na categoria nesse ano, está praticamente concretizado isso.  Estamos analisando uma questão de cronograma para ver em qual etapa vamos implementar”, comentou Mathias.
 
“Isso na verdade vem junto com uma transformação em todas as plataformas digitais — site, aplicativos — que é fundamental para que a gente efetivamente inicie essa operação de interação com o público”, assegurou o diretor da Vicar.
A Stock Car planeja aumentar a interação do público com os pilotos e visa formar novos ídolos (Foto:Duda Bairros/Vicar)
A formação de ídolos é um dos pilares desta nova gestão da Stock Car, além da esportividade e da comunicação. Com os três tópicos bem entrelaçados, Rodrigo Mathias pretende que a categoria possa ser, em um futuro próximo, capaz de cativar ainda mais seu público, fazendo com que seus pilotos, os verdadeiros artistas do espetáculo, sejam alvos da paixão por parte do fã, estabelecendo uma relação mais forte, como acontece hoje, por exemplo, na F-E, na Nascar e até mesmo na F1, esportes que inspiram o novo dirigente do automobilismo
 

“Esse ponto está muito vinculado a uma estratégia de formação de ídolo e de criar uma relação forte do público com o seu ídolo. O público tem de vir e torcer para seu ídolo. E nada melhor do que ter a possibilidade de participar da performance desse cara na corrida. Acho que isso é uma revolução na forma de engajamento esportivo”, salientou Mathias, dando o exemplo da F-E como categoria que vem mudando paradigmas dia após dia, seja no esporte ou na relação público/ídolo.
 
“A F-E consegue fazer isso, e desconheço qualquer outro esporte que o consumidor que esteja assistindo, seja por uma transmissão streaming, pela televisão ou mesmo no autódromo, possa contribuir para a performance do seu ídolo. Acho que isso é uma mudança na cultura de consumo. E é fantástico ter a oportunidade de poder adotar isso na categoria”, concluiu Mathias.
 
PADDOCK GP #74 DEBATE: QUAIS OS PILOTOS COM POTENCIAL DE FUTURO CAMPEÃO MUNDIAL DE F1?



Últimas Notícias
terça-feira, 17 de outubro de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
F1
Warm Up
Copa Grande Prêmio
F1
F1
segunda-feira, 16 de outubro de 2017
MotoGP
Seletiva BR
Copa Grande Prêmio
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook