Stock Car
12/06/2017 11:11

TMG/Shell Racing festeja pódio com Átila em Cascavel e destaca melhora em ritmo de classificação na Stock Car

A etapa de Cascavel acabou sendo produtiva como um todo para a TMG/Shell Racing. Átila Abreu largou pela primeira vez na primeira fila nesta temporada e subiu ao pódio da principal corrida da rodada dupla, encostando de vez no vice-líder da temporada. Ricardo Zonta, no entanto, não teve boa sorte em todo o fim de semana, mirando a reação em casa, na Corrida do Milhão
Warm Up
FERNANDO SILVA, de Sumaré

Às vésperas da quarta etapa da temporada 2017 da Stock Car em Cascavel, um dos principais objetivos da TMG/Shell Racing era evoluir em ritmo de classificação, uma vez que nas corridas os carros de Átila Abreu e Ricardo Zonta renderam bem em uma avaliação geral. Pois o objetivo foi cumprido à risca neste fim de semana no Autódromo Zilmar Beux, e isso se reflete na primeira fila obtida por Átila na classificação do último sábado. O resultado acabou sendo muito importante para o sorocabano garantir mais um pódio, na principal corrida da rodada dupla do último domingo (11), e se manter no rol dos três primeiros do campeonato.
 
Foi um fim de semana produtivo, de muito trabalho e de muito frio em Cascavel, que registrou temperaturas baixíssimas nos últimos dias, mesmo com o céu azul na região do autódromo. Átila, de fato, apresentou um grande desempenho durante o treino classificatório e ficou a apenas 0s085 do tempo da pole-position, conquistada por Max Wilson. Em contrapartida, Zonta não conseguiu encaixar a volta ideal e teve de largar em 27º no grid da Stock Car.
 
A posição de largada, mesmo em um circuito bastante rápido como é Cascavel, acaba sendo de grande valia porque o traçado não reserva muitos pontos de ultrapassagem. Durante a prova, Átila acabou sendo superado por Daniel Serra e depois por Thiago Camilo, andando assim por um bom tempo em quarto, mas sempre ali colado nos ponteiros. Após a janela de pit-stops, o sorocabano teve êxito na esteira de um bom trabalho da TMG/Shell Racing nos boxes e subiu para terceiro, superando Camilo.
Átila Abreu festeja no pódio da corrida 1 em Cascavel (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Mesmo com todas as investidas do atual líder do campeonato, Átila se segurou em terceiro e garantiu mais um pódio na temporada 2017, somando pontos importantes na luta pelo título. Zonta conseguiu recuperar boas posições ao longo da disputa da corrida 1. Porém, limitado pelo intenso tráfego à frente, cruzou a linha de chegada em 18º, marcando três pontos.
 
Na segunda prova do fim de semana, Átila largou em oitavo lugar e conseguiu se manter entre os primeiros durante toda a corrida. O sorocabano terminou com seu #51 na mesma oitava posição, mas subiu para sétimo depois da punição imposta a Lucas Foresti, que terminou a disputa em segundo lugar. Assim, Abreu tornou-se o segundo maior pontuador da etapa — ao lado de Rubens Barrichello — e marcou 31 tentos. Apenas Camilo foi além, com 33.
 
Zonta, por sua vez, chegou a liderar a corrida, mas enfrentou um problema inesperado: uma falha no rádio comunicador o impediu de ser avisado pela equipe chefiada por Thiago Meneghel sobre a parada obrigatória na janela de reabastecimento. Assim, por não ter cumprido a regra estabelecida pela Stock Car, o paranaense acabou sendo excluído da corrida e teve de recolher, o que foi bastante lamentado pelo engenheiro do time de Americana.
Ricardo Zonta já projeta a reação para a etapa em casa, na Corrida do Milhão (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Meneghel, em uma avaliação geral da etapa de Cascavel, se mostrou bem satisfeito. “Mais uma vez fomos bem competitivos. A briga pelo campeonato é bem difícil, nossos concorrentes têm pontuado bastante. Foi um fim de semana bem positivo para o Átila, conseguimos resolver a maior dificuldade nossa que eram as classificações. Quanto ao Zonta, foi um fim de semana para esquecer. O rádio quebrou e colocamos a placa, mas eram muitos carros passando ao mesmo tempo, tínhamos de colocá-la rapidamente porque era perigoso, e não foi possível o Ricardo ver. Uma pena”, resumiu o chefe da TMG/Shell Racing.
 
Átila Abreu, agora com 111 pontos na classificação do campeonato, está a dois de Serra e 17 de Camilo. O piloto do carro #51 só zerou em uma das oito corridas até o momento na temporada, a prova 1 no Velopark. Ao comentar sobre o fim de semana, o sentimento do sorocabano é de otimismo.
 
“Foi um fim de semana bem produtivo. Andamos bem na classificação, o que era nossa dificuldade. Na primeira corrida, sabia que talvez não fosse ter um grande ritmo, mas eu consegui um bom desempenho. O safety-car na segunda corrida atrapalhou bastante, talvez tivéssemos brigado entre os cinco primeiros. Mas mantivemos a distância para o líder e encostamos no vice-líder, e o campeonato é longo. É importante estar bem posicionado e pontuando. Já foi um terço do campeonato, faltam dois, e estamos crescendo”, apontou.
Ricardo Zonta enfrentou um fim de semana complicado em Cascavel (Foto: José Mário Dias/Shell Racing)
Zonta agora só pensa na reação no campeonato. 11º na classificação após a rodada dupla de Cascavel, o paranaense já mira a volta por cima correndo em casa, Curitiba, na Corrida do Milhão, que já venceu em 2013, quando foi disputada em Interlagos.
 

“Corridas são corridas”, filosofou o veterano. “Não podemos penalizar a próxima corrida porque tivemos problemas neste fim de semana. Desde sexta-feira tivemos problemas. Na classificação tivemos um problema de amortecedor. A estratégia foi muito boa, teríamos chegado entre os três primeiros na segunda corrida. Mas o rádio do meu carro quebrou e acabei não parando na janela certa nos boxes. Vamos ter de analisar o que aconteceu para brigar lá na frente com todo mundo na Corrida do Milhão”, comentou o piloto.
 
A briga pelo título de melhor equipe segue sendo bastante acirrada. A RC somou 46 pontos neste fim de semana e agora tem 204, número que lhe dá a liderança do campeonato. Daí em diante, cinco pontos separam a A.Mattheis, segunda colocada com 164 pontos, da TMG/Shell Racing, que agora aparece em quarto depois dos 34 pontos marcados em Cascavel. O time de Americana tem 159 ao todo, enquanto a RCM, terceira na lista, tem 160.
 
A próxima etapa da temporada 2017 da Stock Car é a esperada Corrida do Milhão, que vai ser disputada no próximo dia 2 de julho no Autódromo Internacional de Curitiba.
A NOVA F1 SE APROXIMA MAIS DA INDY. E ÁUDIO EM MÔNACO É PROVA


Últimas Notícias
sexta-feira, 15 de dezembro de 2017
F1
Truck
Kart
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
F1
Kart
Galerias de Imagens
Facebook