Stock Car
17/08/2014 18:03

Vencedor sem vencer em Cascavel, Átila celebra resultados e diz: “Esquisito falar que foi meu melhor fim de semana do ano”

Sem vencer, Átila Abreu foi o vencedor da etapa de Cascavel. O piloto da AMG somou 28 pontos e disparou na liderança do campeonato: agora tem 11 pontos de vantagem para os vice-líderes Rubens Barrichello e Sérgio Jimenez
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Barrichello aproveita saída de pista de Campos no Bacião e vence 1ª corrida
Gomes se recupera no fim de semana e vence 2ª corrida

Na primeira parte do campeonato, Átila Abreu acreditava que o melhor jeito de capitalizar nas rodadas duplas da Stock Car era privilegiando a primeira bateria. Para a etapa de Cascavel, ele e a AMG decidiram mudar a estratégia, e deu mais do que certo: embora não tenha vencido nenhuma das provas disputadas neste domingo (17) — foi terceiro na primeira e quinto na segunda —, foi o piloto que mais pontos somou e conseguiu aumentar a vantagem na liderança do campeonato.

Após dez das 21 corridas marcadas para 2014, o paulista tem 104 pontos, 11 a mais que os vice-líderes Rubens Barrichello e Sérgio Jimenez. Mas mantém a calma e diz que será preciso trabalhar em dobro para se segurar no topo da classificação.

“É esquisito falar que foi meu melhor final de semana do ano, porque não venci nenhuma das duas corridas. Mas, no atual regulamento, nem sempre o mais importante é ganhar, e sim permanecer entre os ponteiros e trabalhar pensando nos pontos. Esta foi a primeira etapa do ano em que projetamos a estratégia pensando nas duas provas de cada rodada dupla e o resultado foi positivo”, afirmou o piloto.

“Mas numa categoria tão disputada como a Stock Car neste ano, teremos que trabalhar em dobro para sustentar a ponta. É fundamental terminar todas as corridas e terminar sempre”, ressaltou.
Átila Abreu e Cacá Bueno duelaram intensamente pelo pódio da primeira corrida (Foto: Carsten Horst/Hyset)
Átila também comentou o bom duelo que protagonizou com Cacá Bueno nas voltas finais da corrida longa. A briga valia o lugar mais baixo do pódio e foi vencida pelo #51.

“É sempre difícil disputar com o Cacá. Procurei manter a concentração porque sei que, se tivesse o mínimo de erro, ele não iria perdoar. Passamos seis ou sete voltas trocando push-to-pass. Foi um duelo limpo, e acho que é isso que o torcedor espera na Stock Car. Sabia que iam fazer falta na segunda corrida, mas compensava usar mais o botão de ultrapassagem porque valia uma posição no pódio”, acrescentou Abreu.

A próxima etapa da temporada da Stock Car acontece em Curitiba no último fim de semana de agosto. Átila venceu naquele circuito na última passagem da categoria por lá.

A cobertura completa da etapa de Cascavel no GRANDE PRÊMIO
icone_TV Automobilismo na TV: a programação do fim de semana
As imagens deste domingo de Stock Car em Cascavel


Últimas Notícias
sábado, 18 de novembro de 2017
Motociclismo
World Series
Stock Car
MotoGP
Superbike
F3
Turismo
F1
F1
F1
Motociclismo
sexta-feira, 17 de novembro de 2017
F1
Nascar
Brasileiro de Marcas
Brasileiro de Turismo
Galerias de Imagens
Facebook