Superbike
25/01/2017 14:20

Em teste em Jerez, Milwaukee exibe Aprilia de Laverty e Savadori para temporada 2017 do Mundial de Superbike

A Milwaukee aproveitou o teste em Jerez de la Frontera para exibir as Aprilia RSV4 de Eugene Laverty e Lorenzo Savadori para a temporada 2017 do Mundial de Superkibe. Vai ser o primeiro ano do time de Shaun Muir com o equipamento italiano
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
 
A Milwaukee aproveitou o teste de Jerez de la Frontera para apresentar na terça-feira (24) as Aprilia RSV4 que serão utilizadas por Eugene Laverty e Lorenzo Savadori na temporada 2017 do Mundial de Superbike. Vai ser a primeira temporada do time de Shaun Muir com o equipamento de Noale.
 
Bicampeã do Campeonato Britânico de Superbike, a SMR estreou no Mundial de Superbike no ano passado, usando maquinário da BMW, mas mudou de marca e agora encara a temporada de 2017 de olho no título.
Eugene Laverty e Lorenzo Savadori vão guiar a nova moto da Aprilia (Foto: Milwaukee)

“É ótimo finalmente estar aqui em Jerez para o primeiro teste em 2017”, disse Muir. “É empolgante revelar as motos. Colocamos muito trabalho na nova geração da Aprilia RSVF RF ao longo do inverno. As atualizações e o apoio que recebemos são uma prova do comprometimento da Aprilia Racing com todo o projeto”, seguiu.
 
“Agora nós estamos ansiosos para ver as motos na pista, e lentamente progredir ao longo dos quatro dias de testes em preparação para o embarque para a primeira etapa, na Austrália, no mês que vem”, comentou.
 
De volta ao Mundial de Superbike após uma passagem pela MotoGP, Laverty já deixou claro que retornou em busca do título e agora foca em encontrar performance na nova moto.
 
“Fiquei dois meses fora da moto, e agora estou ansioso para voltar e para ver o que pode fazer”, falou Eugene. “Foi útil guiar a moto no teste de novembro para senti-la, e agora é a nova RSV4 RF e a minha moto de corrida. Estou ansioso para ver como funciona e tomara que, ao fim do teste de Jerez, nós saibamos onde estamos, que é para o que serve o teste”, continuou.
 
“O último teste foi uma chance para sentir a moto outra vez e os novos pneus Pirelli. Agora aquele shakedown está fora do caminho, é hora de começar a correr atrás de performance”, completou Laverty.
 
Campeão do Mundial de Superstock em 2015, Savadori também se mostrou ansioso para provar a novo e desenvolvê-la rapidamente.
 
“Estou realmente empolgado para a temporada 2017, e mal posso esperar para guiar a RSV4 RF”, afirmou Savadori. “Faz dois meses que não piloto, mas estou realmente focado para este teste e para fazer um bom progresso. Me sinto confortável com o teste e acho que podemos fazer bem este ano”, concluiu.
 
Após concluir o teste em Jerez, a equipe segue para Portimão para mais dois dias de exercícios entre os dias 28 e 29. A temporada começa na Austrália, em fevereiro.
ECCLESTONE FORA DA F1: DISCUSSÃO QUENTE NO PADDOCK GP
Últimas Notícias
quarta-feira, 22 de março de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
MotoGP
Indy
Rali
F1
F1
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook