Superbike
18/06/2016 18:16

Rea bate Sykes na linha de chegada por 0s09 e encerra jejum com vitória na corrida 1 da Superbike em Misano

Jonathan Rea encerrou um jejum de vitórias que o acompanhava desde abril com um triunfo na corrida 1 da etapa de Misano do Mundial de Superbike. Batido na volta final por 0s090, Tom Sykes ficou em segundo, com Michael van der Mark completando o top-3
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Jonathan Rea fez as pazes com a vitória neste sábado (18). Longe do topo do pódio desde o fim de semana dominante de Assen, o norte-irlandês conquistou um belo triunfo na corrida 1 da rodada de Misano do Mundial de Superbike.
 
Segundo grid, Rea protagonizou um jogo de gato e rato com Tom Sykes na Riviera de Rimini, mas levou a melhor na volta final, quando bateu o companheiro de Kawasaki por 0s090. Michael van der Mark completou o pódio no Circuito Marco Simoncelli.
Jonathan Rea e Tom Sykes brigaram pela vitória do início ao fim (Foto: Divulgação/WSBK)

Assim que as luzes se apagaram na reta da Misano, Rea e Sykes se revezaram em uma sequência de voltas rápidas, logo se afastando do pelotão. Perseguindo o líder do Mundial, Tom foi impecável em cada aproximação, se mantendo sempre em posição de ataque. 
 
Como era esperado, a última volta foi o momento da decisão, mas Johnny conseguiu se defender no setor final. A dupla, então, entrou junta na reta, mas Sykes não teve espaço suficiente para bater o companheiro de equipe.
 
Davide Giugliano fez uma ótima largada, pulando da terceira fila direto para o terceiro lugar. A boa saída, no entanto, não foi suficiente para dar ao piloto da Ducati um bom resultado. 
 
Ainda no segundo giro, Giugliano sofreu uma queda ao perder a frente da Panigale. Apesar do tombo, Davide voltou para a pista no fundo do pelotão e acabou recebendo a bandeirada em 14º.
 
Antes do #34, foi Chaz Davies que teve problemas. O britânico precisou desviar de Lorenzo Savadori, vítima do arrojo excessivo de Xavi Forés, e foi parar na brita, junto com Leon Camier. O britânico, no entanto, fez uma bela prova de recuperação e terminou em quarto. 
 
Promovido ao terceiro posto após o tombo de Giugliano, Nicky Hayden mal conseguiu se acomodar na posição. O norte-americano caiu na última curva e abandonou a disputa, entregando o posto para Van der Mark, que fez um bom início de prova e se manteve firme na posição, apesar da aproximação rápida de Davies.
Michael van der Mark completou o pódio em Misano (Foto: Divulgação/WSBK)
Na etapa de casa da Althea, Jordi Torres conquistou o quinto posto, pouco à frente de Markus Reiterberger, que ano passado estreou como wild-card justamente em Misano. 
 
Substituindo o lesionado Sylvain Guintoli, Niccolò Canepa foi o melhor representante da Yamaha e conquistou um sétimo posto, à frente de Camier. Román Ramos e Anthony West completam o rol dos dez melhores.
 
Alex Lowes, por sua vez, ainda não viu a sorte virar. Com uma clavícula recém-fraturada, o gêmeo de Sam escapou da pista na curva dez e acabou recebendo a bandeirada em 13º.
 
Com o resultado da corrida 1 de Misano, Rea alcançou os 318 pontos e abriu 61 de vantagem para Sykes. Davies tem o terceiro lugar na tabela, apenas 13 pontos atrás de Tom. Com 157, Van der Mark tem o quarto posto, seguido por Giugliano, Hayden, Torres, Camier, Lorenzo Savadori e Lowes.
 
O complemento da rodada dupla da Riviera de Rimini acontece neste domingo, às 8h (de Brasília).
 
Mundial de Superbike, Riviera de Rimini, Misano, Corrida 1, Final:
 
1 1 JONATHAN REA ING KAWASAKI
ZX-10R
33:44.254 21 voltas
2 66 TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
+0.090  
3 60 MICHAEL VAN DER MARK HOL HONDA
CBR1000RR SP
+3.093  
4 7 CHAZ DAVIES ING DUCATI
1199 PANIGALE R
+5.878  
5 81 JORDI TORRES ESP ALTHEA
BMW S1000 RR
+15.955  
6 21 MARKUS REITERBERGER ALE ALTHEA
BMW S1000 RR
+18.200  
7 59 NICCOLÒ CANEPA ITA YAMAHA
YZF-R1
+19.385  
8 2 LEON CAMIER ING MV AGUSTA
1000 F4
+19.918  
9 40 ROMÁN RAMOS ESP GO ELEVEN
KAWASAKI ZX-10R
+26.272  
10 13 ANTHONY WEST AUS PEDERCINI
KAWASAKI ZX-10R
+32.593  
11 25 JOSHUA BROOKES AUS MILWAUKEE BMW
BMW S1000 RR
+36.825  
12 15 ALEX DE ANGELIS RSM IODA
APRILIA RSV4 1000 F
+37.084  
13 22 ALEX LOWES ING YAMAHA
YZF-R1
+38.181  
14 34 DAVIDE GIUGLIANO ITA DUCATI
1199 PANIGALE R
+41.201  
15 119 PAWEL SZKOPEK POL TEAM TOTH
YAMAHA YZF-R1
+1:20.992  
16 56 PÉTER SEBESTYÉN HUN TEAM TOTH
YAMAHA YZF-R1
+1:21.783  
17 9 DOMINIC SCHMITTER SUI GRILLINI
KAWASAKI ZX-10R
+1:24.623  
18 61 FABIO MENGHI ITA VFT
DUCATI 1199 PANIGALE R
+1:25.068  
19 11 SAEED AL SULAITI CAT PEDERCINI
KAWASAKI ZX-10R
+1:31.041  
20 4 GIANLUCA VIZZIELLO ITA GO ELEVEN
KAWASAKI ZX-10R
+1 volta  
  12 XAVI FORÉS ESP BARNI
DUCATI 1199 PANIGALE R
NC  
  17 KAREL ABRAHAM RTC MILWAUKEE BMW
BMW S1000 RR
NC  
  69 NICKY HAYDEN EUA HONDA
CBR1000RR
NC  
  32 LORENZO SAVADORI ITA IODA
APRILIA RSV4 1000 F
NC  
             
POLE TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.037 161.7832 km/h
VOLTA MAIS RÁPIDA TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:35.507 159.293 km/h
RECORDE JONATHAN REA ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.720 160.620 km/h
MELHOR VOLTA TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.037 161.780 km/h
             
    Condições do tempo   PISTA SECA   ar: 24ºC | pista: 43ºC

PADDOCK GP #33 ANALISA GP DO CANADÁ E FAZ PRÉVIA DO GP DA EUROPA


Últimas Notícias
segunda-feira, 11 de dezembro de 2017
MotoGP
F1
Stock Car
Superbike
F1
F1
F1
Endurance
F1
Indy
F1
Indy
domingo, 10 de dezembro de 2017
Stock Car
Stock Car
Stock Car
Galerias de Imagens
Facebook