Superbike
18/06/2016 18:16

Rea bate Sykes na linha de chegada por 0s09 e encerra jejum com vitória na corrida 1 da Superbike em Misano

Jonathan Rea encerrou um jejum de vitórias que o acompanhava desde abril com um triunfo na corrida 1 da etapa de Misano do Mundial de Superbike. Batido na volta final por 0s090, Tom Sykes ficou em segundo, com Michael van der Mark completando o top-3
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Jonathan Rea fez as pazes com a vitória neste sábado (18). Longe do topo do pódio desde o fim de semana dominante de Assen, o norte-irlandês conquistou um belo triunfo na corrida 1 da rodada de Misano do Mundial de Superbike.
 
Segundo grid, Rea protagonizou um jogo de gato e rato com Tom Sykes na Riviera de Rimini, mas levou a melhor na volta final, quando bateu o companheiro de Kawasaki por 0s090. Michael van der Mark completou o pódio no Circuito Marco Simoncelli.
Jonathan Rea e Tom Sykes brigaram pela vitória do início ao fim (Foto: Divulgação/WSBK)

Assim que as luzes se apagaram na reta da Misano, Rea e Sykes se revezaram em uma sequência de voltas rápidas, logo se afastando do pelotão. Perseguindo o líder do Mundial, Tom foi impecável em cada aproximação, se mantendo sempre em posição de ataque. 
 
Como era esperado, a última volta foi o momento da decisão, mas Johnny conseguiu se defender no setor final. A dupla, então, entrou junta na reta, mas Sykes não teve espaço suficiente para bater o companheiro de equipe.
 
Davide Giugliano fez uma ótima largada, pulando da terceira fila direto para o terceiro lugar. A boa saída, no entanto, não foi suficiente para dar ao piloto da Ducati um bom resultado. 
 
Ainda no segundo giro, Giugliano sofreu uma queda ao perder a frente da Panigale. Apesar do tombo, Davide voltou para a pista no fundo do pelotão e acabou recebendo a bandeirada em 14º.
 
Antes do #34, foi Chaz Davies que teve problemas. O britânico precisou desviar de Lorenzo Savadori, vítima do arrojo excessivo de Xavi Forés, e foi parar na brita, junto com Leon Camier. O britânico, no entanto, fez uma bela prova de recuperação e terminou em quarto. 
 
Promovido ao terceiro posto após o tombo de Giugliano, Nicky Hayden mal conseguiu se acomodar na posição. O norte-americano caiu na última curva e abandonou a disputa, entregando o posto para Van der Mark, que fez um bom início de prova e se manteve firme na posição, apesar da aproximação rápida de Davies.
Michael van der Mark completou o pódio em Misano (Foto: Divulgação/WSBK)
Na etapa de casa da Althea, Jordi Torres conquistou o quinto posto, pouco à frente de Markus Reiterberger, que ano passado estreou como wild-card justamente em Misano. 
 
Substituindo o lesionado Sylvain Guintoli, Niccolò Canepa foi o melhor representante da Yamaha e conquistou um sétimo posto, à frente de Camier. Román Ramos e Anthony West completam o rol dos dez melhores.
 
Alex Lowes, por sua vez, ainda não viu a sorte virar. Com uma clavícula recém-fraturada, o gêmeo de Sam escapou da pista na curva dez e acabou recebendo a bandeirada em 13º.
 
Com o resultado da corrida 1 de Misano, Rea alcançou os 318 pontos e abriu 61 de vantagem para Sykes. Davies tem o terceiro lugar na tabela, apenas 13 pontos atrás de Tom. Com 157, Van der Mark tem o quarto posto, seguido por Giugliano, Hayden, Torres, Camier, Lorenzo Savadori e Lowes.
 
O complemento da rodada dupla da Riviera de Rimini acontece neste domingo, às 8h (de Brasília).
 
Mundial de Superbike, Riviera de Rimini, Misano, Corrida 1, Final:
 
1 1 JONATHAN REA ING KAWASAKI
ZX-10R
33:44.254 21 voltas
2 66 TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
+0.090  
3 60 MICHAEL VAN DER MARK HOL HONDA
CBR1000RR SP
+3.093  
4 7 CHAZ DAVIES ING DUCATI
1199 PANIGALE R
+5.878  
5 81 JORDI TORRES ESP ALTHEA
BMW S1000 RR
+15.955  
6 21 MARKUS REITERBERGER ALE ALTHEA
BMW S1000 RR
+18.200  
7 59 NICCOLÒ CANEPA ITA YAMAHA
YZF-R1
+19.385  
8 2 LEON CAMIER ING MV AGUSTA
1000 F4
+19.918  
9 40 ROMÁN RAMOS ESP GO ELEVEN
KAWASAKI ZX-10R
+26.272  
10 13 ANTHONY WEST AUS PEDERCINI
KAWASAKI ZX-10R
+32.593  
11 25 JOSHUA BROOKES AUS MILWAUKEE BMW
BMW S1000 RR
+36.825  
12 15 ALEX DE ANGELIS RSM IODA
APRILIA RSV4 1000 F
+37.084  
13 22 ALEX LOWES ING YAMAHA
YZF-R1
+38.181  
14 34 DAVIDE GIUGLIANO ITA DUCATI
1199 PANIGALE R
+41.201  
15 119 PAWEL SZKOPEK POL TEAM TOTH
YAMAHA YZF-R1
+1:20.992  
16 56 PÉTER SEBESTYÉN HUN TEAM TOTH
YAMAHA YZF-R1
+1:21.783  
17 9 DOMINIC SCHMITTER SUI GRILLINI
KAWASAKI ZX-10R
+1:24.623  
18 61 FABIO MENGHI ITA VFT
DUCATI 1199 PANIGALE R
+1:25.068  
19 11 SAEED AL SULAITI CAT PEDERCINI
KAWASAKI ZX-10R
+1:31.041  
20 4 GIANLUCA VIZZIELLO ITA GO ELEVEN
KAWASAKI ZX-10R
+1 volta  
  12 XAVI FORÉS ESP BARNI
DUCATI 1199 PANIGALE R
NC  
  17 KAREL ABRAHAM RTC MILWAUKEE BMW
BMW S1000 RR
NC  
  69 NICKY HAYDEN EUA HONDA
CBR1000RR
NC  
  32 LORENZO SAVADORI ITA IODA
APRILIA RSV4 1000 F
NC  
             
POLE TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.037 161.7832 km/h
VOLTA MAIS RÁPIDA TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:35.507 159.293 km/h
RECORDE JONATHAN REA ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.720 160.620 km/h
MELHOR VOLTA TOM SYKES ING KAWASAKI
ZX-10R
1:34.037 161.780 km/h
             
    Condições do tempo   PISTA SECA   ar: 24ºC | pista: 43ºC

PADDOCK GP #33 ANALISA GP DO CANADÁ E FAZ PRÉVIA DO GP DA EUROPA


Últimas Notícias
quinta-feira, 17 de agosto de 2017
F1
Nascar
MotoGP
Copa Grande Prêmio
F1
F1
Stock Car
F1
F1
F1
F1
F-E
F1
quarta-feira, 16 de agosto de 2017
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook