Turismo
24/04/2016 18:22

López não dá chance e vence de ponta a ponta corrida principal do WTCC na Hungria. Monteiro fecha pódio

José María López colocou ordem na casa na corrida principal do WTCC na Hungria. Largando da pole, o argentino liderou a prova de ponta a ponta, resistindo aos ataques do companheiro de Citroën, Yvan Muller, que chegou em segundo. Tiago Monteiro foi o terceiro
Warm Up
Redação GP, de Curitiba
Se a primeira corrida se mostrou um desastre para os pilotos da Citroën, a segunda prova do WTCC na Hungria serviu para a marca francesa colocar ordem na casa. E José María López não desperdiçou a chance. O argentino venceu mais uma vez de ponta a ponta e em dobradinha com o companheiro de equipe, Yvan Muller. É o terceiro triunfo de López na corrida principal nesta temporada. 
 
Rob Huff, entretanto, foi o fator de ameaça aos dois colegas de equipe durante a prova, quando andou forte junto com a dupla, mas um drive-through acabou tirando suas chances de tentar a vitória. O inglês teve de se conformar mesmo com a sexta colocação no fim. O último lugar do pódio ficou nas mãos de Tiago Monteiro, de Honda. 
José María Lopéz ganhou a corrida principal do WTCC neste domingo na Hungria (Foto: Reprodução/WTCC)
López liderou a prova desde o início, enquanto Muller fez uma baita largada, saindo de sétimo para terceiro, ultrapassando logo em seguida Huff, para ficar com a segunda posição. A manobra veio pouco antes da entrada do safety-car, que foi acionado por conta de Grégoire Demoustier, que escapou na curva 1 e foi parar na proteção de pneus, na abertura da volta 3.
 
Quando a corrida reiniciou, o argentino da Citroën não conseguiu fugir de Muller e Huff e teve trabalho para administrar a liderança, sempre tendo os dois nos retrovisores. A diferença era tão pequena que Huff chegou a passar o francês, mas ficou pouco na posição já que a direção de prova o puniu por um toque com o rival. 
 
Com a saída de Rob da disputa, Muller tratou de impor alguma pressão no companheiro de equipe, mas o atual campeão resistiu aos ataques e cruzou a linha de chegada em primeiro. Tiago Monteiro ainda foi capaz de segurar Thed Björk, para ficar com o último posto do pódio em Hungaroring.
 
Tom Chilton fechou a prova em quinto, à frente de Huff e Tom Coronel. Vencedor da prova de abertura, Mehdi Bennani foi o oitavo, enquanto Hugo Valente e o piloto da casa, Norbert Michelisz, completaram os dez primeiros.
 
Com os resultados da rodada húngara deste fim de semana, López continua líder, com 106 pontos, 12 à frente de Monteiro. Bennani aparece em terceiro, com 77. Huff e Muller fecham o top-10.
PADDOCK GP #25 FALA SOBRE F1 NA CHINA, INDY, MOTOGP E F-E



Últimas Notícias
terça-feira, 21 de fevereiro de 2017
Warm Up
F-E
segunda-feira, 20 de fevereiro de 2017
Motociclismo
Outras
MotoGP
Superbike
Stock Car
Outras
MotoGP
F1
MotoGP
F1
MotoGP
F1
MotoGP
Galerias de Imagens
Facebook