Turismo
18/11/2017 07:30

VÍDEO: Engavetamento ‘monstro’ envolve Di Grassi e outros 11 carros na Copa do Mundo FIA GT em Macau

Foi impressionante. Na corrida de classificação da Copa do Mundo FIA GT, disputada no Circuito da Guia, em Macau, o espanhol Daniel Juncadella perdeu o controle do seu Mercedes em uma das apertadas curvas do traçado. Quem vinha atrás não conseguiu desviar da colisão. Lucas Di Grassi teve seu Audi R8 LMS acertado por trás e ficou suspenso em meio aos outros carros na batida. Quando a prova foi retomada, Edoardo Mortara venceu e Augusto Farfus foi o segundo
Warm Up
Redação GP, de Sumaré
 

O icônico Circuito da Guia sempre reserva grandes surpresas. Nem sempre das mais agradáveis para os pilotos. Foi o que aconteceu, por exemplo, na volta de abertura da corrida de classificação da Copa do Mundo FIA GT, disputada neste sábado (18) em Macau. Na curva Police, uma das mais estreitas da pista da ex-colônia portuguesa na China, Daniel Juncadella, que vinha em quarto lugar, acertou seu Mecedes no guard-rail. Raffaele Marciello, que vinha logo atrás, conseguiu escapar, mas Laurens Vanthoor não teve a mesma sorte. Todos os pilotos atrás do belga foram envolvidos na múltipla batida, o que resultou num engavetamento ‘monstro’.
 
Entre os pilotos envolvidos, estava Lucas Di Grassi. O brasileiro, campeão da F-E na temporada 2016/17, que disputa a prova em Macau com o Audi R8 LMS, também foi acertado por trás e teve o carro suspenso. Não havia muito o que fazer.

Além de Di Grassi, outros 11 pilotos ficaram fora da corrida de classificação ainda na primeira volta: Juncadella, Felix Rosenqvist, Markus Pommer, Vanthoor, Fabian Plentz, Tom Blomqvist, Marco Wittmann, Romain Dumas, Mirko Bortolotti, Renge Van der Zande e Nico Müller.


 

A bandeira vermelha foi inevitável. A prova foi interrompida por mais de meia hora, até que todos os carros e detritos fossem removidos da pista. No fim das contas, apenas oito conseguiram escapar e completar a disputa. A corrida de classificação foi vencida por Edoardo Mortara, da Mercedes, que ganhou a disputa com o brasileiro Augusto Farfus, da BMW, por 1s566. 
 
Marciello, que escapou por pouco de ser um dos envolvidos no engavetamento ‘monstro’, foi o terceiro, enquanto Robin Frijns e Chaz Mostert completaram a lista dos cinco primeiros e, consequentemente, fecham o top-5 do grid da Copa do Mundo FIA GT em Macau, que tem largada marcada para domingo às 2h10 (horário de Brasília).

MELHOR DE 2017

COM TÍTULO EM TEMPORADA DIFÍCIL, MÁRQUEZ É PILOTO DO ANO

Últimas Notícias
sexta-feira, 15 de dezembro de 2017
F1
Truck
Kart
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
Truck
Kart
MotoGP
F1
F1
F1
Kart
Galerias de Imagens
Facebook