World Series
19/10/2014 13:55

Pole cai no colo, Rowland aproveita chance e domina última corrida da World Series em 2014. Fantin é sexto

Oliver Rowland dominou a prova derradeira da World Series em 2014; largando na pole por conta de uma punição a Roberto Merhi, o inglês aproveitou a oportunidade e venceu de ponta a ponta
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Oliver Rowland venceu de forma dominante a segunda prova da World Series em Jerez de la Frontera, neste domingo (19). O inglês aproveitou a chance de largar na pole - em razão de uma punição recebida por Roberto Merhi - e faturou a última corrida da temporada 2014 com tranquilidade. Rowland completou as 26 voltas em 42min09s126 com vantagem de 7s703 para o canadense Nicholas Lafiti, o segundo. William Buller foi o terceiro e subiu no último degrau do pódio.

O brasileiro Pietro Fantin, único representante do país na competição, encerrou o ano com um ótimo sexto lugar. O piloto da equipe Draco chegou 21s269 atrás do vencedor.
Os três primeiros na última etapa da World Series no ano (Foto: World Series)
"Viemos para cá sabendo que seríamos competitivos. Herdei a pole, uma surpresa. Pierre Gasly e Roberto Merhi começaram forte, mas fiz uma boa largada. O carro festava fantástico e eu agradeço a equipe por isso. Um quarto lugar para o meu primeiro ano com duas vitórias é muito bom. Eu não estou no controle do meu futuro, mas acho que seria interessante fazer uma segunda temporada aqui", disse o vencedor.

Rowland foi soberano na prova desde o início. Na largada, defendeu-se bem da investida de Pierre Gasly, que fez excelente partida e brigou pela ponta na curva 1. O inglês da Fortec foi se distanciando dos rivais até ser obrigado a tirar o pé devido à entrada do carro de segurança na pista. Na relargada, foi seguro e se manteve à frente.

Punido antes da largada por ter obstruído a passagem de outros pilotos durante a classificação, Roberto Merhi estava mesmo em um dia infeliz. Seu limitador de velocidade travou e ele foi para os boxes. Quando entrou na garagem, seu carro começou a pegar fogo, mas os bombeiros agiram rápido e controlaram as chamas rapidamente.

Coroado campeão no último sábado, Carlos Sainz Jr., fez prova bastante discreta e foi apenas o 11º.

World Series, Jerez de la Frontera, corrida 2:

1 OLIVER ROWLAND ING FORTEC 42:09.126 26 voltas
2 NICHOLAS LATIFI CAN TECH 1 +7.703  
3 WILLIAM BULLER IRL ARDEN +15.879  
4 PIERRE GASLY FRA ARDEN +16.608  
5 SERGEY SIROTKIN RUS FORTEC +18.752  
6 PIETRO FANTIN BRA DRACO +21.269  
7 OSCAR TUNJO ING PONS +21.730  
8 MATTHIEU VAXIVIÈRE FRA LOTUS +22.349  
9 MARLON STÖCKINGER FIL LOTUS +22.751  
10 NORMAN NATO FRA DAMS +24.573  
11 CARLOS SAINZ JR. ESP DAMS +25.243  
12 BEITSKE VISSER HOL AVF +28.250  
13 WILL STEVENS ING STRAKKA +29.809  
14 ZOËL AMBERG SUI AVF +30.363  
15 MEINDERT VAN BUUREN HOL PONS +31.146  
16 JAZEMAN JAAFAR MAL ISR   NC
17 MATIAS LAINE FIN STRAKKA   NC
18 MARCO SORENSEN DIN TECH 1   NC
19 ROBERTO MERHI ESP CARLIN   NC
20 ROMAN MAVLANOV RUS COMTEC   NC
21 LUCA GHIOTTO ITA DRACO   NC


Últimas Notícias
domingo, 17 de dezembro de 2017
Indy
F1
F1
MotoGP
Kart
Kart
Kart
Kart
Kart
sábado, 16 de dezembro de 2017
Kart
Kart
Kart
Kart
Kart
Kart
Galerias de Imagens
Facebook