World Series
19/10/2014 13:55

Pole cai no colo, Rowland aproveita chance e domina última corrida da World Series em 2014. Fantin é sexto

Oliver Rowland dominou a prova derradeira da World Series em 2014; largando na pole por conta de uma punição a Roberto Merhi, o inglês aproveitou a oportunidade e venceu de ponta a ponta
Warm Up
Redação GP, de São Paulo
Oliver Rowland venceu de forma dominante a segunda prova da World Series em Jerez de la Frontera, neste domingo (19). O inglês aproveitou a chance de largar na pole - em razão de uma punição recebida por Roberto Merhi - e faturou a última corrida da temporada 2014 com tranquilidade. Rowland completou as 26 voltas em 42min09s126 com vantagem de 7s703 para o canadense Nicholas Lafiti, o segundo. William Buller foi o terceiro e subiu no último degrau do pódio.

O brasileiro Pietro Fantin, único representante do país na competição, encerrou o ano com um ótimo sexto lugar. O piloto da equipe Draco chegou 21s269 atrás do vencedor.
Os três primeiros na última etapa da World Series no ano (Foto: World Series)
"Viemos para cá sabendo que seríamos competitivos. Herdei a pole, uma surpresa. Pierre Gasly e Roberto Merhi começaram forte, mas fiz uma boa largada. O carro festava fantástico e eu agradeço a equipe por isso. Um quarto lugar para o meu primeiro ano com duas vitórias é muito bom. Eu não estou no controle do meu futuro, mas acho que seria interessante fazer uma segunda temporada aqui", disse o vencedor.

Rowland foi soberano na prova desde o início. Na largada, defendeu-se bem da investida de Pierre Gasly, que fez excelente partida e brigou pela ponta na curva 1. O inglês da Fortec foi se distanciando dos rivais até ser obrigado a tirar o pé devido à entrada do carro de segurança na pista. Na relargada, foi seguro e se manteve à frente.

Punido antes da largada por ter obstruído a passagem de outros pilotos durante a classificação, Roberto Merhi estava mesmo em um dia infeliz. Seu limitador de velocidade travou e ele foi para os boxes. Quando entrou na garagem, seu carro começou a pegar fogo, mas os bombeiros agiram rápido e controlaram as chamas rapidamente.

Coroado campeão no último sábado, Carlos Sainz Jr., fez prova bastante discreta e foi apenas o 11º.

World Series, Jerez de la Frontera, corrida 2:

1 OLIVER ROWLAND ING FORTEC 42:09.126 26 voltas
2 NICHOLAS LATIFI CAN TECH 1 +7.703  
3 WILLIAM BULLER IRL ARDEN +15.879  
4 PIERRE GASLY FRA ARDEN +16.608  
5 SERGEY SIROTKIN RUS FORTEC +18.752  
6 PIETRO FANTIN BRA DRACO +21.269  
7 OSCAR TUNJO ING PONS +21.730  
8 MATTHIEU VAXIVIÈRE FRA LOTUS +22.349  
9 MARLON STÖCKINGER FIL LOTUS +22.751  
10 NORMAN NATO FRA DAMS +24.573  
11 CARLOS SAINZ JR. ESP DAMS +25.243  
12 BEITSKE VISSER HOL AVF +28.250  
13 WILL STEVENS ING STRAKKA +29.809  
14 ZOËL AMBERG SUI AVF +30.363  
15 MEINDERT VAN BUUREN HOL PONS +31.146  
16 JAZEMAN JAAFAR MAL ISR   NC
17 MATIAS LAINE FIN STRAKKA   NC
18 MARCO SORENSEN DIN TECH 1   NC
19 ROBERTO MERHI ESP CARLIN   NC
20 ROMAN MAVLANOV RUS COMTEC   NC
21 LUCA GHIOTTO ITA DRACO   NC

Últimas Notícias
quarta-feira, 22 de março de 2017
F1
F1
F1
F1
F1
F1
F1
MotoGP
Indy
Rali
F1
F1
F1
F1
F1
Galerias de Imagens
Facebook